F1: Punido, Barrichello aposta em virada em corrida ‘indecisa’

Após trocar o câmbio de seu carro e perder cinco posições na classificação oficial do Grande Prêmio da Malásia, o piloto brasileiro Rubens Barrichello, da Brawn GP, aposta em uma virada da escuderia na segunda prova deste início de temporada de Fórmula 1.

Nesta sexta-feira, o brasileiro fez o sexto melhor tempo nos treinos livres em Sepang. A atividade oficial está marcada para as 6h (de Brasília) de sábado, com acompanhamento minuto a minuto do Terra.

“Estava confiante para a classificação, mas fui acolhido por uma notícia não tão boa. Após a prova na Austrália, forçou demais a estrutura do câmbio e a gente teve de trocar e, por isso, eu já sofro com cinco posições de penaldiade”, explicou.

A nova equipe da Fórmula 1 decidiu pela troca do câmbio do carro número 23 em virtude do desgaste ocasionado na prova da Austrália, na qual Barrichello conquistou o segundo lugar.

“Mas ainda tem muita coisa pela frente e muita dedicação, pois sou a favor da troca aqui (Malásia) por ser uma corrida com muitas indecisões, por exemplo, devido a chuva”, disse ele.

O piloto ainda tratou de explicar o baixo rendimento da Brawn GP nos treinos livres na Malásia, após a dobradinha no GP da Austrália. Nesta sexta, Barrichello cravou 1:36.161, no sexto lugar, enquanto Jenson Button fez 1:36.254, no sétimo. O mais rápido do dia foi Kimi Raikkonen, da Ferrari, com 1:35.707.

“Dificilmente vamos fazer os melhores tempos na sexta, pois sempre andaremos com muita gasolina. Mas trabalhamos bastante no acerto do carro e na avaliação dos pneus. Foi um dia positivo nesse sentido”, encerrou.

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *