F1: “Quase 100% confiante”, Fry tem 12 compradores para a Honda

Segundo o chefe-executivo da Honda Racing, Nicy Fry, mais de 30 grupos se interessaram em comprar a equipe após o anúncio da saída dos japoneses da Fórmula 1. O britânico garante que ainda conversa com 12 desses e por isso se diz “quase 100% confiante” na possibilidade de salvar o trabalho de cerca de 700 empregados na fábrica de Brackley.

Embora Fry, que trabalha para tentar vender a Honda ao lado de Ross Brawn, ainda não tenha dado um indício de qual companhia ou pessoa está mais próxima de ter um time próprio na Fórmula 1, ele assegurou em entrevista ao site da revista londrina Autosport que “está olhando o atual momento de forma muito positiva”.

“Nós tivemos, como vocês podiam esperar, muito interesse no início – provavelmente mais de 30 grupos vieram a nós”, disse o dirigente, lembrando-se de quando a montadora japonesa anunciou o fim de seu projeto, em 5 de dezembro. “Nós reduzimos esse número a algo na região de uma dúzia, e atualmente estamos conversando com a Honda sobre qual deve ser a melhor aposta para o futuro”.

Nesse contexto, Fry já se sente seguro para apontar que as chances de o grid da Fórmula 1 permanecer com 20 carros em 2009 beiram 100%. “Logo no começo do processo Bernie Ecclestone (chefe comercial da categoria) disse que estava 100% confiante que estaríamos prontos para Melbourne, enquanto eu não tinha tanta certeza. Porém minha confiança agora subiu – talvez não esteja na casa dos 100%, mas muito próxima disso, o que é gratificante”.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *