F1: Red Bull ameaça deixar a Fórmula 1

Desde que Sebastian Vettel emplacou quatro títulos consecutivos, entre 2010 e 2013, a Red Bull não consegue ser campeã da Fórmula 1. Diante disso, a equipe fechou com a Honda para o fornecimento de motores a partir da próxima temporada, e essa parece ser a última esperança da equipe em busca da retomada de sucesso na categoria.

Em declaração ao site alemão Speedweek, o ex-piloto e atual membro da diretoria da equipe austríaca, Helmut Marko, disse que caso a parceria com a montadora alemã falhe, a Red Bull Racing abandonará a Fórmula 1.

“Estamos satisfeitos com a incrível parceria com a Honda para os próximos anos. E se essa parceria, por qualquer que seja o motivo, não der certo, aí a Red Bull deixará a Fórmula 1”, garantiu.

Além disso, o diretor que revelou que foi a própria Red Bull que convenceu a Honda da parceria, uma vez que os japoneses ficaram muito perto de deixar a categoria após os problemas que tiveram com a McLaren.

“A parceria com a Honda tem ido bem com a STR. E após ao desastre deles com a McLaren, estavam perto de deixar a Fórmula 1 no fim de 2017. Tivemos que convencê-los, depois de conversas intensas, de que poderiam continuar a sua jornada conosco”, completou.

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *