F1: Red Bull desiste do Kers em Spa; Brawn nem cogita utilizá-lo

A Red Bull desistiu de tentar usar o sistema Kers este final de semana, no GP da Bélgica. Durante o GP da Europa, no último final de semana, a equipe avisou que estava avaliando a possibilidade de usar a tecnologia em Spa-Francorchamps, a fim de aumentar suas chances de título na temporada.

Porém, o chefe da equipe, Christian Horner, admitiu que não vale a pena usar o Kers em Spa, mas disse que a Red Bull ainda vai considerar a possibilidade para o GP da Itália.

“Spa não é tão diferente de Silverstone, e nós tivemos um carro muito forte lá. Introduzir o Kers a essa altura pode ser muito arriscado”, disse Horner. “Depois de Spa, vamos decidir o que fazer para Monza. Seria o Kers Renault/Red Bull desenvolvido no início da temporada. Vamos continuar analisando isso.”

Chefe da equipe que lidera o campeonato de 2009, Ross Brawn acredita que introduzir o Kers nesse momento pode ajudar, mas também pode ser um desastre. “Pode ser fantástico, mas também pode ser um desastre. Um ou outro. É preciso elogiar o esforço que eles [Red Bull] estão fazendo”, disse Brawn.

“Eu não tentaria usar o Kers no meio da temporada sem ter feito testes, mas ao contrário de nós, eles já tiveram alguma experiência com o equipamento”, falou o chefe da Brawn GP, que descartou completamente a chance de sua equipe usar a tecnologia.

“A Mercedes e a McLaren nos ofereceram, mas o Kers adicionaria muito peso no carro. No momento, não é uma opção para nós”, falou Ross Brawn.

Fonte: UOL Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *