F1: Red Bull indica que Coulthard pode permanecer em 2007

O chefe da Red Bull, Christian Horner, deu uma forte indicação de que David Coulthard vai continuar correndo pela equipe no próximo ano.

“Estou muito feliz com o trabalho que ele está fazendo e nos damos muito bem”, disse ele a repórteres depois que o piloto de 35 anos deu à Red Bull seu primeiro pódio ao terminar em terceiro lugar o Grande Prêmio de Mônaco, no domingo.

“Se um relacionamento está funcionando e está certo, então porque acabar com ele?”, disse.

Horner descreveu Coulthard, que venceu 13 das 201 corridas que já disputou, como um jogador que atua em equipe e cujas habilidades ainda estão afiadas.

“Ele gosta de correr conosco, ele pode ver que a equipe está ficando cada vez mais forte a cada semana e ele sabe o que está por vir”, disse ele.

O colega de Coulthard neste ano é o austríaco Christian Klien, mas a Red Bull tem duas equipes depois de comprar a Minardi e rebatizá-la de Toro Rosso.

A Red Bull, de propriedade do bilionário austríaco das bebidas energéticas Dietrich Mateschitz, resgatou a carreira de Coulthard no final de 2004, quando o contratou.

O britânico está ansioso para continuar na equipe em 2007, particularmente agora que o ex-projetista da McLaren Adrian Newey foi contratado e terá maior participação na criação do carro.

“Acho que os resultados, naturalmente, não prejudicam em nada, mas a realidade é que as negociações em relação ao ano que vem estão acontecendo, e está bem claro qual é a minha intenção”, disse Coulthard.

Fonte: Reuters

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *