F1: Sauber pode se tornar equipe satélite da Ferrari em 2018

A Sauber poderá se tornar uma segunda equipe da Ferrari. Após declinar do acordo com a Honda, que se tornaria sua nova fornecedora de motores, os suíços podem tomar outro rumo e se tornarem uma segunda equipe da Ferrari, que planeja ter dois dos seus principais talentos no grid da Fórmula 1 ano que vem sem abrir mão de Kimi Raikkonen e Sebastian Vettel.

A relação entre Sauber e Ferrari funcionaria próxima dos moldes da parceria entre Red Bull e Toro Rosso. Charles Leclerc e Antonio Giovinazzi formariam a dupla responsável por guiar a Sauber na próxima temporada da Fórmula 1 e contam, inclusive, com o apoio do presidente da Ferrari, Sergio Marchionne, que vê com bons olhos a chance da escuderia italiana ter uma equipe satélite. Entretanto, o chefe da Sauber, Frédéric Vasseur, admite que ainda é muito cedo para definir o futuro da equipe suíça.

“Como equipe, faria sentido ter alguém como Leclerc ou outros pilotos jovens. É um pouco cedo para falar sobre pilotos, para ser honesto. Tivemos que fechar o acordo do motor rapidamente e seria um erro misturar os pilotos nessa discussão. Vamos ter essa conversa nas próximas semanas”, disse Vasseur.

Ainda que a temporada de Fórmula 1 esteja longe do fim, Frédéric Vasseur pretende definir alguns pontos importantes de 2018, como a escolha dos pilotos, até setembro. Atualmente a Sauber conta com o sueco Marcus Ericsson e com o alemão Pascal Wehrlein, que substituiu o brasileiro Felipe Nasr no grid.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *