F1: Schumacher supera Hamilton e lidera treinos de sexta; Brasileiros não andam bem

O alemão Michael Schumacher confirmou a boa fase da Mercedes nos treinos e desbancou a McLaren de Lewis Hamilton para liderar os ensaios livres desta sexta-feira para o GP da China. Na segunda sessão, com pista seca, o heptacampeão fez o melhor tempo de 1:35.973.

Líder do primeiro treino atingido pela chuva, Hamilton ficou em segundo lugar, seguido pelas Red Bulls de Sebastian Vettel e Mark Webber. A Mercedes de Nico Rosberg e a McLaren de Jenson Button completaram os seis primeiros.
O dia não foi bom para os brasileiros. Felipe Massa brigou com os pneus e não conseguiu nada melhor do que um 17º lugar. Seu companheiro Fernando Alonso ficou em décimo.
Já Bruno Senna, que ficou fora da primeira atividade para dar lugar ao piloto de testes Valtteri Bottas na Williams, ficou uma posição atrás de Massa, terminando em 18º lugar. O venezuelano Pastor Maldonado não foi muito melhor e acabou em 16º.
O treino com pista seca concentrou os melhores tempos do dia e fez as equipes cumprirem uma agenda mais extensa para compensar o baixo número de voltas da primeira sessão. Com pneus médios, Hamilton manteve a liderança no começo do treino, mas foi ultrapassado por Schumacher quando os pilotos passaram a testar os compostos macios.
A liderança da Mercedes confirmou o potencial do o inovador sistema aerodinâmico que usa a abertura da asa traseira para ganhar velocidade em retas. Contestado pelos rivais, foi aprovado pela FIA antes do GP da China e continua dando resultados nos treinos da Fórmula 1.
“Foi um dia livre de problemas, e estou feliz com o comportamento do carro até agora. Temos que nos aprofundar nos dados para descobrir em que posição estamos aqui, mas estou ansioso para o treino de classificação de amanhã”
Para Felipe Massa, o dia foi preocupante por ter demonstrado uma dificuldade crônica do brasileiro em preservar os pneus Pirelli desta temporada. O piloto da Ferrari teve dificuldades com a falta de estabilidade do carro e sofreu com o desgaste excessivo dos compostos. 

Confira os tempos do dia:

1. Michael Schumacher  ( Mercedes) 1:35.973
2. Lewis Hamilton  (McLaren) 1:36.145
3. Sebastian Vettel  (Red Bull) 1:36.160
4. Mark Webber  (Red Bull) 1:36.433
5. Nico Rosberg  (Mercedes ) 1:36.617
6. Jenson Button (McLaren) 1:36.711
7. Kamui Kobayashi  (Sauber) 1:36.956
8. Paul di Resta  (Force India) 1:36.966
9. Nico Hulkenberg  (Force India) 1:37.191
10. Fernando Alonso  (Ferrari) 1:37.316
11. Sergio Perez  (Sauber) 1:37.417 35
12. Daniel Ricciardo  (Toro Rosso) 1:37.616
13. Kimi Raikkonen  (Lotus ) 1:37.936
14. Jean-Eric Vergne  (Toro Rosso) 1:37.930
15. Romain Grosjean  (Lotus) 1:37.972
16. Pastor Maldonado  (Williams) 1:38.176
17. Felipe Massa  (Ferrari) 1:38.293
18. Bruno Senna  (Williams) 1:38.783
19. Heikki Kovalainen  (Caterham ) 1:38.990
20. Vitaly Petrov  (Caterham ) 1:39.346
21. Timo Glock  (Marussia) 1:39.651
22. Valtteri Bottas  (Williams) 1:40.298
23. Pedro de la Rosa  (HRT) 1:40.343
24. Charles Pic  (Marussia) 1:40.753
25. Narain Karthikeyan  (HRT) 1:47.204

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *