F1: Sebastian Vettel marca a pole em Spa-Francorchamps

O alemão Sebastian Vettel (Red Bull) conquistou neste sábado (27/08), a pole-position para o GP da Bélgica, em Spa-Francorchamps, 12ª etapa da temporada. Foi a 9ª pole de Vettel no ano.

Como de costume na Bélgica, o treino foi marcado pelo tempo instável, com a chuva indo a voltando. Já no final da Q3 Vettel marcou 1m48s298, sendo 0s432 mais rápido do que o britânico Lewis Hamilton (McLaren), que completa a primeira fila.

O australiano Mark Webber (Red Bull) e o brasileiro Felipe Massa (Ferrari) dividem a segunda fila. O alemao Nico Rosberg (Mercedes) alinha em 5º, seguido pelo espanhol Jaime Alguersuari (Toro Rosso), que fez o seu melhor treino na categoria.

Estreando como titular na Renault, o brasileiro Bruno Senna foi um dos destaques do treino, com o 7º tempo. Depois de penar com a Hispania em 2010 (quando andou quase sempre nas últimas posições) o sobrinho de Ayrton Senna fez um excelente trabalho, na vaga que era do alemão Nick Heidfeld.

Senna foi mais rápido do que o espanhol Fernando Alonso (Ferrari), e também do que seu parceiro de equipe, o russo Vitaly Petrov (que costumava ser mais rápido do que Heidfeld nos treinos). Entre Alonso e Petrov alinha o suíço Sébastien Buemi (Toro Rosso).

O brasileiro Rubens Barrichello (Williams) alinha na 14ª posição. Barrichello perdeu a chance de ficar entre os dez melhores, ao ser atrapalhado pelo finlandês Heikki Kovalainen (Lotus) no final da Q2.

O treino chegou a ser paralisado em bandeirada vermelha durante o Q2, devido à escapada de pista do alemão Adrian Sutil (Force India). Com pedaços de carro espalhados a bandeira foi necessária para a limpeza da pista.

Completando vinte anos de sua estreia na F-1, o alemão Michael Schumacher (Mercedes) larga da última posição. O piloto, sete vezes campeão mundial, perdeu a roda traseira direita e deixou a pista, antes mesmo de completar uma volta.

Grid:

1: Sebastian Vettel (ALE/Red Bull) -1min48s298
2: Lewis Hamilton (ING/McLaren) -1min48s730
3: Mark Webber (AUS/Red Bull) – 1min49s376
4: Felipe Massa (BRA/Ferrari) – 1min50s256
5: Nico Rosberg (ALE/Mercedes) – 1min50s552
6: Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso) – 1min50s773
7: Bruno Senna (BRA/Renault) – 1min51s121
8: Fernando Alonso (ESP/Ferrari) – 1min51s251
9: Sergio Perez (MEX/Sauber) – 1min51s374
10: Vitaly Petrov (RUS/Renault) – 1min52s303
11: Sebastien Buemi (ALE/Toro Rosso) -2min04s692
12: Kamui Kobayashi (JAP/Sauber) -2min04s757
13: Jenson Button (ING/McLaren) – 2min05s150
14: Rubens Barrichello (BRA/Williams) – 2min07s349
15: Adrian Sutil (ALE/Force India) – 2min07s777
16: Heikki Kovalainen (FIN/Lotus) – 2min08s354
17: Paul Di Resta (ESC/Force India) – 2min07s758
18: Jarno Trulli (ITA/Lotus) – 2min07s773
19: Timo Glock (ALE/Virgin) – 2min09s566
20: Jerome D’Ambrosio (BEL/Virgin) – 2min11s601
21: Pastor Maldonado (VEN/Williams) – 2min08s106*
22: Daniel Ricciardo (AUS/Hispania) – 2min11s616
23: Vitantonio Liuzzi (ITA/Hispania) – 2min13s077
24: Michael Schumacher (ALE/Mercedes) – sem tempo
*Punido com cinco posições por atrapalhar Hamilton na Q2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *