F1: Turquia tem 30 dias para pagar multa

A Federação Internacional de Automobilismo anunciou que a Federação Turca de Automobilismo e os organizadores do GP do país possuem 30 dias para pagar a multa de 5 milhões de dólares imposta pela entidade que rege o automobilismo mundial. O prazo começou a ser contado nesta terça-feira.

Os turcos foram punidos por supostamente terem feito propaganda política no pódio, uma vez que o vencedor Felipe Massa recebeu o troféu de vencedor de Mehmet Ali Talat, presidente da República Turca do Norte do Chipre, território reconhecido como independente pela Turquia.

Apesar da pesada multa, a maior da história da Fórmula 1, os organizadores da prova respiram aliviados, uma vez que havia até a possibilidade da prova ser excluída do calendário 2007. “O tempo para buscar o dinheiro é curto, mas pelo menos temos certeza de que ficaremos no calendário”, declarou o diretor do autódromo de Istambul, Baran Asena.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *