F1: Vettel lidera último treino livre, com Massa em 4º. De La Rosa bate no final

O último treino livre para o Grande Prêmio do Canadá de Fórmula 1 não trouxe novidades em relação às últimas movimentações. O alemão Sebastian Vettel conseguiu a volta mais rápida na movimentação que confirmou a melhora da Ferrari, com o espanhol Fernando Alonso em segundo, e o brasileiro Felipe Massa em quarto, atrás de Nico Rosberg, da Mercedes. A poucos minutos do final da prova, o espanhol Pedro de la Rosa rodou e bateu sua Sauber entre as curvas 3 e 4, mas sem gravidade.

A movimentação já estava nos seus segundos finais, quando o experiente piloto espanhol – que substitui o acidentado mexicano Sergio Perez – perdeu o controle da traseira do carro após fazer uma curva e rodou, acertando a parte traseira direita do carro na proteção, e rodando novamente para o outro lado em seguida. A colisão, no entanto, não foi grave como aparentava ser, e De La Rosa saiu andando do carro normalmente.

Na pista, Vettel foi o melhor em uma sessão onde teve que brigar com o inglês Jenson Button, o alemão Nico Rosberg, e o espanhol Fernando Alonso em determinados momentos. O campeão da temporada 2009 foi o primeiro a baixar a casa de 1min14s, mas assim como o seu compatriota Lewis Hamilton, não viu um bom acerto do carro da McLaren, ficando a dupla apenas na terceira fila.

Depois da marca de Button, Vettel baixou a marca para 1min14s126, com os criticados pneus macios. Rosberg, no entanto, entrou em ação e desceu à casa de 1min13s, fato inédito em todo o final de semana. Foi aí que Alonso foi para a pista, faltando apenas 17 minutos para o encerramento da movimentação, e rapidamente conseguiu baixar o tempo do piloto da Mercedes. No entanto, ele foi surpreendido por Vettel, que fez o tempo de 1min13s381, mais de três décimos mais veloz que o espanhol.

O heptacampeão Michael Schumacher teve uma sessão razoavelmente boa, ao andar próximo das McLarens de Button e Hamilton, mas terminou na sétima colocação. Vitaly Petrov, da Renault, ficou em oitavo, seguido das Force India de Adrian Sutil e Paul di Resta. Pastor Maldonado, da Williams, veio na 11ª colocação, e viu o seu companheiro de time, Rubens Barrichello, ficar apenas na 16ª posição.

O australiano Mark Webber teve uma manhã decepcionante. Ele não conseguiu resolver problemas verificados no seu carro ainda na sexta-feira, principalmente relacionados ao Kers, e não foi para a pista no circuito canadense.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *