F1: Villeneuve agora comemora pequenos avanços

Dez anos depois de sagrar-se campeão mundial de Fórmula 1, o canadense Jacques Villeneuve, vive hoje um momento muito diferente daqueles tempos. Piloto da Sauber, ele agora comemora pequenos avanços no desenvolvimento dos carros. Bastante diferente de quando disputava títulos.

O canadense não esconde a cautela, mas diz acreditar num futuro melhor para a escuderia, que recentemente foi comprada pela BMW. Para ele, pensar em título ainda é precipitado. Prefere crer num avanço pouco percebido pelas câmeras, como uma pequena melhora nos tempos. Passo a passo, ele acredita na transformação da equipe numa escuderia de ponta.

“Desenvolver um carro em uma equipe nova é muito comlexo. Já vivi isso antes, mas acredito que os pré-requisitos que cumprimos foram bons. O time está em evolução num ponto à frente do que estávamos no ano passado. A BMW trouxe novos profissionais para o grupo. Temos mais tempo no túnel de vento. A temporada de 2006 será melhor para a gente.”

Acostumado a desenvolver novos carros, o canadense diz estar satisfeito com o relacionamento entre e Sauber e a BMW. Anos depois depois de debutar na antiga BAR, Villeneuve vive hoje o surgimento de uma nova equipe.

“É ótimo estar ao lado de uma montadora. No futuro, seremos uma nova equipe. Por ora, somos uma nova equipe com traços da antiga. Ambas as partes têm muita aprender com a outra parte” disse o canadense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *