F1: Visão de Massa não foi comprometida em acidente

A visão de Felipe Massa não foi danificada pelo acidente sofrido no treino classificatório para o Grande Prêmio da Hungria, em julho. Nesta sexta-feira o piloto brasileiro foi submetido a uma série de exames no Hospital Pitié Salpêtrière, em Paris, e os primeiros resultados comprovam sua recuperação.

Os testes médicos são exigências da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), para que Massa volte a correr na Fórmula-1. Acompanhado de seu médico pessoal, Dino Altmann, o brasileiro deve passar por mais exames na tarde de sábado, que avaliarão seu estado neurológico, antes de receber o sinal verde da entidade.

Caso os resultados sejam aprovados pela FIA, Massa deve voltar a treinar já na segunda-feira com um modelo antigo da Ferrari, o F-2007, equipado com pneus da GP-2. Essa semana, o piloto brasileiro iniciou sua readaptação ao automobilismo no simulador da escuderia italiana.

Massa não dirige um carro da Fórmula-1 desde o dia 25 de julho, quando sofreu o acidente em Budapeste. Durante os treinos classificatórios para o Grande Prêmio da Hungria, ele foi atingido na cabeça por uma mola que se soltou do carro de Rubens Barrichello. Com a pancada, o piloto da Ferrari desmaiou e seu carro colidiu com a barreira de pneus do circuito.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *