F1: Webber defende decisão de não revelar fratura durante temporada

Bastante criticado após revelar que correu as últimas quatro provas da Fórmula 1 em 2010 com o ombro direito fraturado, fruto de uma queda de bicicleta, Mark Webber defendeu a sua postura de só contar o ocorrido para sua equipe, a Red Bull agora.

“O ombro não me causou nenhum problema, então não havia a necessidade de falar isso para ninguém”, comentou o piloto australiano, terceiro colocado no Mundial. “Tenho certeza que isto não afetou minha performance no carro, não afetou minha principal linha de trabalho”, garantiu.

De acordo com ele, sua postura seria outra se o problema fosse realmente sério. “Se eu tivesse algum problema com isso no carro, se não pudesse dirigir com segurança ou no limite, claro que eu teria contado ao time. Mas não foi o caso”, assegurou.

Ele ainda disse que as injeções contra a dor tomadas antes das etapas do Japão e da Coreia do Sul foram “por precaução”.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *