F1: Williams terá motores Mercedes até 2025

A Williams anunciou, na manhã desta sexta-feira, a renovação do contrato de fornecimento de motores com a Mercedes até 2025, em uma parceria que existe desde 2014 e, portanto, ao final do vínculo, serão 12 campeonatos disputados em conjunto.

“Tivemos uma parceria maravilhosa com a Mercedes-Benz nos últimos seis anos do que originalmente era um contrato de sete anos, e por isso estamos muito satisfeitos por continuar trabalhando com eles por mais cinco anos a partir de 2021”, iniciou Claire Williams, chefe do time.

“A Mercedes-Benz tem sido uma das fornecedoras de motores mais bem-sucedidas do esporte e acreditamos que eles continuarão a ter um pacote de motores extremamente competitivo. Com o tempo que eles passaram, eles se tornaram um verdadeiro amigo da equipe”, completou.

Toto Wolff, chefe da Mercedes, também aproveitou o momento para enaltecer essa renovação. “A Williams é uma das marcas icônicas da Fórmula 1 e nós da Mercedes temos o orgulho de contá-las como parte de nossa família de automobilismo. Eles passaram por momentos difíceis recentemente, mas isso serviu apenas para demonstrar sua resiliência e força de caráter, enquanto lutam de volta para o lugar em que pertencem no grid. Estamos muito satisfeitos por continuar nossa parceria com a Williams nessa nova era do nosso esporte”, pontuou.

Com os motores da Mercedes, a Williams alcançou os melhores resultados nas temporadas de 2014 e 2015, tendo ficado em terceiro lugar no Mundial de Construtores. Nos últimos anos, porém, o desempenho caiu e está na lanterna. A escuderia inglesa segue fabricando seu próprio câmbio.

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *