F2: Artem Markelov e Sergio Sette Câmara vencem na Bélgica

O russo Artem Markelov (Russian Time) e o brasileiro Sergio Sette Câmara (MP Motorsports) foram os vencedores da oitava etapa da temporada, disputada em Spa-Francorchamps, na Bélgica.

Prova 1:

No sábado (26/08) a prova principal foi vencida pelo monegasco Charles Leclerc (Prema), que alinhou na pole e venceu de ponta a ponta. Líder do campeonato Leclerc recebeu a bandeirada com 26s6 de vantagem sobre Markelov.  O britânico Oliver Rowland (DAMS) terminou em terceiro.

Porém na vistoria pós-corrida o carro de Leclerc foi desclassificado, devido ao desgaste excessivo no assoalho do carro. Com isso Markelov herdou a vitória.

Rowland também foi desclassificado, pelo mesmo motivo de Leclerc. Assim o pódio foi completado pelos italianos Luca Ghiotto (Russian Time) e Antonio Fuoco (Prema).

O sueco Gustav Malja (Racing Engineering) foi o quarto, seguido pelo holandês Nyck De Vries (Racing Engineering) e Câmara, que marcou os seus primeiros pontos na categoria.

O veterano espanhol Roberto Merhi (Rapax), retornando a categoria, terminou em sétimo. O francês Norman Nato (Arden), o norte-americano Santino Ferrucci (Trident) e o romeno Robert Visoiu (Campos) fecharam a zona de pontos.

Final, prova 1:

1 – Artem Markelov – Russian Time – 25 voltas em 52’50″172
2 – Luca Ghiotto – Russian Time – 5″985
3 – Antonio Fuoco – Prema – 6″446
4 – Gustav Malja – Racing Engineering – 19″912
5 – Nyck De Vries – Racing Engineering – 21″149
6 – Sergio Sette Camara – MP Motorsport – 29″356
7 – Roberto Merhi – Rapax – 33″479
8 – Norman Nato – Arden – 35″611
9 – Santino Ferrucci – Trident – 42″735
10 – Robert Visoiu – Campos – 44″133
11 – Nabil Jeffri – Trident – 47″608
12 – Alex Albon – ART – 59″552
13 – Ralph Boschung – Campos – 1’10″217
14 – Louis Delétraz – Rapax – 1’11″070
15 – Sean Gelael – Arden – 1’14″082
16 – Nobuharu Matsushita – ART – 1 volta

Volta mais rápida: Artem Markelov 2’00″204

Abandonos:

Jordan King – MP Motorsport – 2 voltas
Nicholas Latifi – DAMS – 1 volta

Excluídos:

Charles Leclerc – Prema –
Oliver Rowland – DAMS –

Prova 2:

Neste domingo (27/08) Câmara conquistou a sua primeira vitória na categoria. De Vries foi o segundo, seguido por Ghiotto.

Terceiro no grid, Câmara fez uma grande largada, assumindo a ponta. O brasileiro manteve a ponta até o final (que terminou em bandeira amarela). Na 15ª volta o japonês Nobuharu Matsushita (ART) bateu muito forte na proteção de pneus da curva Eau Rouge. O piloto saiu andando do cockpit.

“Estou extremamente feliz por ter conquistado a minha primeira vitória na F2. Ganhar em Spa, no ano de estreia e, mais ainda, em uma equipe média não tem nem palavras para descrever. Tinham mais de 100 mil pessoas na pista, juro que dava para escutar de dentro do carro a vibração deles. Deu tudo certo no fim de semana, viemos evoluindo o carro desde o treino livre. Na corrida de ontem, acertamos na estratégia e, principalmente, encontramos um novo detalhe no ajuste da suspensão que fez com que o carro consumisse menos pneus. Esse talvez tenha sido o grande diferencial em relação às primeiras provas do ano. Hoje, largando em terceiro, consegui uma partida perfeita e pulei para primeiro antes mesmo da curva um. Daí por diante eu busquei ficar 110% concentrado e, literalmente, só pensava na próxima curva. Graças a Deus deu tudo certo e consegui vencer. Agradeço a todos que sempre torceram por mim e espero, sinceramente, que esta seja a primeira de muitas vitórias”, comentou Sette Câmara.

Nato terminou em quarto, seguido por Leclerc, que fez uma prova de recuperação após largar em penúltimo. Merhi, Fuoco e Rowland, que largou em último, fecharam a zona de pontos da prova curta.

Leclerc lidera o campeonato com 218 pontos, seguido por Rowland com 159 e Markelov com 150. Câmara com 23 pontos ocupa a 13ª posição.

A próxima etapa acontece em Monza, na Itália, entre os dias 02 e 03 de setembro.

Final, prova 2:

1 – Sergio Sette Camara – MP Motorsport – 18 voltas em 39’40″215

2 – Nyck De Vries – Racing Engineering – 0″623
3 – Luca Ghiotto – Russian Time – 2″403
4 – Norman Nato – Arden – 3″109
5 – Charles Leclerc – Prema – 3″820
6 – Roberto Merhi – Rapax – 4″894
7 – Antonio Fuoco – Prema – 5″448
8 – Oliver Rowland – DAMS – 5″828
9 – Nicholas Latifi – DAMS – 6″690
10 – Santino Ferrucci – Trident – 9″202
11 – Gustav Malja – Racing Engineering – 9″629
12 – Louis Deletraz – Rapax – 10″556
13 – Ralph Boschung – Campos – 10″865
14 – Jordan King – MP Motorsport – 11″095
15 – Nabil Jeffri – Trident – 12″070
16 – Robert Visoiu – Campos – 13″709
17 – Sean Gelael – Arden – 14″121
18 – Alex Albon – ART – 17″543

Volta mais rápida: Jordan King 1’59″965

Abandonos:

Nobuharu Matsushita – ART – 15 voltas
Artem Markelov – Russian Time – 13 voltas

Campeonato:

1.Leclerc 218 pontos; 2.Rowland 159; 3.Markelov 150; 4.Ghiotto 123; 5.Latifi 115; 6.De Vries 96; 7.Matsushita, Nato 91; 9.Albon 65; 10.King 49

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *