F3 Brasil: Sábado perfeito para Pedro Piquet; nem tanto para Samaia

Com o título já assegurado, piloto da Cesário imprimiu forte ritmo para vencer pela 11ª vez no ano; na Light, líder teve problemas e precisou se contentar com o terceiro posto

As condições de pista neste sábado (17) no Autódromo Internacional de Curitiba estavam bem distintas das experimentadas na sexta-feira, quando o sol intenso e o calor deram lugar a um vento gelado com chuva ainda durante a tarde. Mas hoje, na primeira de duas corridas da sétima etapa da Fórmula 3 Brasil, o clima estava ameno e nublado.

As condições de pista neste sábado (17) no Autódromo Internacional de Curitiba estavam bem distintas das experimentadas na sexta-feira, quando o sol intenso e o calor deram lugar a um vento gelado com chuva ainda durante a tarde. Mas hoje, na primeira de duas corridas da sétima etapa da Fórmula 3 Brasil, o clima estava ameno e nublado.

Com a temperatura da pista mais baixa, as condições ficaram ideais para os pilotos da categoria mais rápida do país imprimir um ritmo ainda mais forte na prova da tarde deste sábado em Curitiba. E venceu, pela 11ª vez no ano, Pedro Piquet. O filho do tricampeão mundial de Fórmula 1 largou da pole position e chegou a abrir oito segundos de margem para o segundo colocado, Matheus Iorio. E cruzou a linha de chegada 6s461 na frente de seu companheiro de equipe. Artur Fortunato, que fez uma largada ruim por causa de um problema na embreagem, conseguiu se recuperar para conquistar a terceira posição.

“É a pista que mais gosto de andar, e até o momento essa minha despedida está indo muito bem aqui”, comentou o vencedor, que na próxima temporada deverá competir na Fórmula 3 Europeia. “O fato de eu ter sido campeão não me impede de querer melhorar. Quero baixar meus tempos, e os outros pilotos também estão fazendo isso. O grid está mais compacto”, comentou.

Para Iorio, a segunda colocação lhe dá algum fôlego na disputa pelo vice-campeonato. “Meu carro estava muito bom, e só faltava um pouco de equilíbrio no segundo setor da pista, onde eu perdia mais para o Pedro. Foi um pouco mais complicada para mim a negociação com os retardatários, mas no geral a corrida foi boa, com saldo positivo e foi importante para abrir alguma vantagem a mais nessa briga para terminar o campeonato em segundo”, disse.

Light – Na Fórmula 3 Light, prova bastante movimentada. O líder Guilherme Samaia largou na frente, mas quem venceu foi o vice-líder Matheus Muniz, da PropCar. Seu companheiro de equipe

“Larguei lá atrás porque errei na classificação. Fiz uma boa partida e adotei uma tática agressiva. Passei o Samaia e a briga com o Igor foi mais difícil porque ele se defendia muito bem. Eu tentava passar na curva 1 e não conseguia, então tive que encontrar outro lugar, e consegui na reta oposta”, contou.

Samaia encontrou alguns contratempos pelo caminho. Defendendo a posição contra Igor Fraga, o piloto da Cesário Fórmula foi atingido na roda dianteira direita, o que furou seu pneu e danificou o bico do carro. Guilherme ainda teve de ir aos boxes trocar o pneu e acabou em terceiro. “Deu para recuperar e conseguir o pódio”, resignou-se. Na prova marcada para as 10h40 deste domingo (18) com o grid invertido entre os seis primeiros, basta a Samaia chegar em primeiro ou segundo na categoria para assegurar o título da Light.

Resultado da Corrida 1:

1-) 1 Pedro Piquet (Cesário F3) – 26 voltas em 31min29s052 (média de 183,1 km/h)

2-) 34 Matheus Iorio (Cesário F3) – a 6s461 

3-) 28 Artur Fortunato (A. Fortunato F3 Racing) – a 23s994 

4-) 54 Carlos Cunha (CF3) – a 28s585 

5-) 31 Nicolas Dapero (Prop Car Racing) – a 28s997 

6-) 13 Rodrigo Baptista (Prop Car Racing) – a 36s666 

7-) 9 Christian Hahn (Hitech Racing) – a 52s988 

8 -) 27 Matheus Muniz (Prop Car Racing) – a 1 volta*

9-) 84 Fernando Croce (Hitech Racing) – a 1 volta 

10-) 3 Ryan Verra (RR Racing) – a 1 volta 

11-) 55 Igor Fraga (Prop Car Racing) – a 1 volta* 

12-) 77 Guilherme Samaia (Cesário F3) – a 2 voltas* 

13-) 48 Renan Pietrowski (RR Racing) – a 5 voltas 

NÃO COMPLETOU 75%

14-) 91 Leonardo de Souza (Kemba Racing) – a 9 voltas

*F3 Light

Melhor volta: Pedro Piquet, 1min11s853 (185,1 km/h)

Resultados sujeitos a verificações técnicas e desportivas

Domingo, 18 de outubro

10h40 – Corrida 2 (35 minutos + 1 volta)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *