F3 Masters: Valtteri Bottas vence em Zandvoort

O finlandês Valtteri Bottas, da ART Grand Prix, venceu neste domingo (14/06), em Zandvoort, na Holanda, o Masters de F-3, tradicional prova extra-campeonato. Foi a primeira vitória de um finlandês na prova. Seu compatriota Mika Maki, da Signature, foi o 2º, seguido pelo monegasco Stefano Coletti, da Prema Powerteam.

Saindo da pole-position, Bottas, Campeão Europeu de F-Renault em 2008, fez uma grande largada, se defendendo do ataque de Maki na primeira curva. Bottas abriu quatro segundos de vantagem, com Maki conseguindo diminuir a diferença para dois segundos na parte final da prova.

Bottas controlou o avanço de Maki, vencendo com 2s610 de vantagem. Foi a sexta vitória consecutiva da ART na prova. Coletti, em 3º, se tornou o primeiro monegasco a subir ao pódio na prova. Ele resistiu a uma longa pressão do francês Jules Bianchi, da ART. Bianchi, vencedor da prova do ano passado, depois de perder a pole-position (por ter bloqueados outros pilotos durante a classificação), e ter que largar em 6º, terminou em 4º.

O inglês Alexander Sims, da Mücke Motorsport, e o holandês Renger van der Zande, da Hitech Racing, completaram os seis primeiros.

Tiago Geromini, da Signature, foi o melhor brasileiro, em 9º. Pedro Nunes, da Manor Motorsport, terminou em 20º, com seu parceiro de equipe, Cesar Ramos, em 28º.  

Final:

1 – Valtteri Bottas (Dallara-Mercedes) – ART – 25 voltas em 39m12s259
2 – Mika Maki (Dallara-Volkswagen) – Signature – 2″610
3 – Stefano Coletti (Dallara-Mercedes) – Prema – 18″248
4 – Jules Bianchi (Dallara-Mercedes) – ART – 18″749
5 – Alexander Sims (Dallara-Mercedes) – Mucke – 28″736
6 – Renger Van der Zande (Dallara-Mercedes) – Hitech – 32″838
7 – Christian Vietoris (Dallara-Mercedes) – Mucke – 33″678
8 – Sam Bird (Dallara-Mercedes) – Mucke – 36″181
9 – Tiago Geronimi (Dallara-Volkswagen) – Signature – 45″353
10 – Roberto Merhi (Dallara-Mercedes) – Manor – 46″165
11 – Matteo Chinosi (Dallara-Mercedes) – Prema – 55″767
12 – Basil Shaaban (Dallara-Mercedes) – Prema – 56″282
13 – Christopher Zanella (Dallara-Mercedes) – Motopark – 56″460
14 – Walter Grubmuller (Dallara-Mercedes) – Hitech – 56″866
15 – Laurens Vanthoor (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 1’00″630
16 – Riki Christodoulou (Dallara-Mercedes) – Carlin – 1’03″061
17 – Esteban Gutierrez (Dallara-Mercedes) – ART – 1’03″224
18 – Carlos Huertas (Dallara-Mercedes) – Raikkonen – 1’17″408
19 – Daisuke Nakajima (Dallara-Mercedes) – Raikkonen – 1’22″465
20 – Pedro Nunes (Dallara-Mercedes) – Manor – 1’23″729
21 – Daniel Zampieri (Dallara-Mugen) – BVM Target – 1’24″976
22 – Victor Garcia (Dallara-Mercedes) – Fortec – 1’25″128
23 – Andrea Caldarelli (Dallara-Mercedes) – SG – 1’25″486
24 – Max Chilton (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 1’25″783
25 – Henry Arundel (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 1’26″801
26 – Marco Wittmann (Dallara-Mercedes) – Mucke – 1’27″014
27 – Alexandre Marsoin (Dallara-Mercedes) – SG – 1’27″691
28 – Cesar Ramos (Dallara-Mercedes) – Manor – 1’28″235
29 – Jake Rosenzweig (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 1’28″738
30 – Francesco Castellacci (Dallara-Mercedes) – Manor – 1’29″552
31 – Samuele Buttarelli (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 1’32″488

Abandonos:

Adrien Tambay (Dallara-Mercedes) – ART – 13 voltas
Jean Karl Vernay (Dallara-Volkswagen) – Signature –  9 voltas
Henki Waldschmidt (Dallara-Mercedes) – SG – 9 voltas
Atte Mustonen (Dallara-Mercedes) – Motopark – 9 voltas
Daniel Ricciardo (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 0 voltas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *