FA1: Mirko Bortolotti vence a primeira prova da história

O italiano Mirko Bortolotti (Team Ghinzani/Itália) venceu neste sábado (26/04), no Autódromo Internacional do Algarve, em Portimão, Portugal, a primeira prova da história da FA1 (Formula Acceleration 1). O holandês Nigel Melker (Azerti Motorsport/Holanda) e o alemão Sebastian Balthasar (Performance Racing/Alemanha) completaram o pódio.

A Formula Acceleration 1 pode ser considerada a sucessora da A1GP, pois usa os mesmos carros que correram na antiga série, entre 2005 e 2008, o Lola B05/52 e o motor Zytek V8. Os pneus são Michelin.

Assim como na A1GP, cada equipe representa um país, mas ao contrario da A1GP, os pilotos não precisam ser necessariamente do país representado.

Na primeira temporada estão inscritos doze carros, de onze países. A China (Moma Motorsport) com o espanhol  Oliver Campos-Hull, a França (Azerti Motorsport), com o italiano Sergio Campana, a Alemanha (Performance Racing) com o alemão Sebastian Balthasar, a Itália (Team Ghinzani) com o italiano Mikko Bortolotti, a Holanda (Azerti Motorsport) com o holandês Nigel Melker, Portugal (Team Ghinzani) com o português Armando Parente, a Eslováquia (Team Ghinzani) com o eslovaco Richard Gonda, a Espanha (Moma Racing) com o espanhol Victor Garcia, a Suécia (Performance Racing), com o sueco Felix Rosenqvist, e a Venezuela (RC Motorssport) com o venezuelano Rodolfo Gonzalez. O México é o único com dois carros; para os mexicanos Michael Dorrbeckker (RC Motorsport) e Picho Toledano (NBC Motorsport).

Em Portimão, Bortolotti largou na pole e venceu com 5s057 de vantagem sobre Melker. Balthasar fechou o primeiro pódio da história.

Rosenqvist, Gonda e Parente, completaram os seis primeiros.

Bortolotti lidera o campeonato com 27 pontos, seguido por Melker com 18.

A segunda prova, de 45 minutos e dois pit stop obrigatórios, acontece no domingo (27/04).    

Final:

1 – Mirko Bortolotti (ITA)  19 voltas em 30:46.906
2 – Nigel Melker (NED) a 5.057
3 – Sebastian Balthasar (GER) a 29.325
4 – Felix Rosenqvist (SWE) a 36.735
5 – Richard Gonda (SVK) a 58.518
6 – Armando Parente (PRT) a 1:09.433
7 – Olivier Campos (CHN) a 1:12.478
8 – Sergio Campana (FRA) a 1 volta
9 – Michael Dorrbeckker (MEX)  7 voltas
10 – Victor Garcia (ESP) 7 voltas
11 – Rodolfo Gonzalez (VEN) 3 voltas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *