FA1: Nigel Melker e Mirko Bortolotti vencem em Nurburgring

O holandês Nigel Melker (Holanda) e o italiano Mirko Bortolotti (Itália) foram os vencedores da terceira etapa da temporada, disputada em Nurburgring, na Alemanha.

Prova 1:

Melker venceu a primeira prova da etapa. Foi a sua terceira vitória consecutiva. Bortolotti foi o segundo, seguido pelo eslovaco Richard Gonda (Eslováquia).

Pole, Melker não fez uma boa largada, e foi superado na primeira curva pelo estreante belga Alessio Picariello (França) e Bortolotti. O belga e o italiano se tocaram, com Bortolotti caindo para o final do pelotão. Gonda também passou Melker.

Picariello liderou até a janela de pit stops. Um erro de comunicação, contudo atrapalhou a parada do representante da França, que perdeu tempo e posições.

Gonda e Melker entraram juntos nos boxes na 11ª volta, com o holandês saindo em primeiro. Com a parada de Bortolotti nos pits, duas voltas depois, Melker reassumiu a liderança, para vencer pela terceira vez seguida. Bortolotti fez uma grande recuperação, e terminou em segundo, seguido por Gonda.

Picariello terminou em quarto, seguido pelo português Armando Parente (China) e o mexicano Luis Michael Dorrbecker (México).

Final, prova 1:

1 Nigel Melker  18 voltas em 29:07.011
2 Mirko Bortolotti +8.754
3 Richard Gonda +20.786
4 Alessio Picariello +24.297
5 Armando Parente +29.800
6 Luis Michael Dorrbecker +47.644
7 Oliver Campos-Hull +1:17.047
8 Jimmy Eriksson +8 voltas
9 Dennis Lind +9 voltas
10 Picho Toledano +12 voltas
11 Sergio Campana +17 voltas
12 Sebastian Balthasar +18 voltas

Prova 2:

Bortolotti venceu a segunda prova. Gonda e o italiano Sergio Campana (Portugal) completaram o pódio.

Pole, Melker não alinhou para a prova, devido à quebra da embreagem. Campana, que alinhavam em segundo, manteve a ponta na largada, seguido por Gonda e Bortolotti. Na primeira volta, o eslovaco assumiu a liderança, ao ultrapassar Gonda.

Na 6ª volta, Gonda fez o primeiro pit stop obrigatório, mantendo a liderança. Bortolotti passou Campana nos pits, uma volta depois.

Na segunda rodada de pits stops obrigatórios, Bortolotti parou duas voltas depois que Gonda, e voltou a pista em primeiro. O italiano controlou o restante da prova, para vencer pela terceira vez no ano. Campana fechou o pódio.

Picariello terminou em quarto, seguido pelo alemão Sebastian Balthasar (Alemanha) e o estreante sueco Jimmy Eriksson (Suécia).

Bortolotti lidera o campeonato com 123 pontos, 20 a mais do que Melker. Sebastian Balthasar é o terceiro com 53.

A próxima etapa, em Monza, na Itália, acontece entre os dias 06 e 08 de junho.

Final, prova 2:

1 Mirko Bortolotti 27 voltas em 43:59.853
2 Richard Gonda +2.067
3 Sergio Campana +14.989
4 Alessio Picariello +15.374
5 Sebastian Balthasar +16.949
6 Jimmy Eriksson +27.598
7 Picho Toledano +1:17.556
8 Luis Michael Dorrbecker +7 voltas
9 Armando Parente +8 voltas
10 Dennis Lind +15 voltas
11 Oliver Campos-Hull +19 voltas
NL Nigel Melker voltas   

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *