FIA GT: Yelmer Buurman/Francesco Pastorelli vencem novamente na Argentina

A dupla Yelmer Buurman/Francesco Pastorelli (Corvette Z06/Exim) venceu neste domingo (06/11), a prova de encerramento da temporada, em San Luis, na Argentina. Foi a segunda vitória consecutiva da dupla, que estreou na categoria nesta etapa. A dupla Manuel Lauck/Christopher Haase (Lamborghini Murcielago/DKR) terminou em 2º, seguida pela dupla Clivio Piccione/ Stef Dusseldorp (Aston Martin DB9/Hexis).

Na largada lançada o brasileiro Enrique Bernoldi (Nissan GT-R/Sumo Power) ficou espremido entre dois carros. Lucas Luhr (Nissan GT-R/JRM) tocou no Nissan do brasileiro, rodando e acertando Alex Muller (Aston Martin DB9/AMR), iniciando uma confusão que eliminou cinco carros.

Pastorelli assumiu a ponta, seguido por Lauck. Contudo os dois foram punidos com um drive-through, por terem ultrapassado Muller com o safety-car na pista.

Peter Dumbreck (Nissan GT-R/JRM) assumiu a liderança, até o britânico também levar um drive-through. Seu parceiro Richard Westbrook ganhou muitas posições na volta inicial, quando o safety-car estava na pista.

As punições deixaram Pastorelli/Buurman na liderança, mesmo com o holandês perdendo muito tempo nos boxes, com um problema em uma das rodas.

A dupla venceu com quatro segundos de vantagem sobre Lauck/Haase. Piccione/Dusseldorp completaram o pódio.

O brasileiro Enrique Bernoldi (Nissan GT-R/Sumo Power) em dupla com o holandês Nicky Catsburg, terminou em 4º. A dupla Andrea Piccini/Christian Hohenadel (Aston Martin DB9/Hexis) e Markus Palttala/Antoine Leclerc (Ford GT/Belgian) fecharam os seis primeiros.

Lucas Luhr/Michael Krumm foram os campeões com 137 pontos. Stefan Mücke/ Darren Turner foram vice com 120. A dupla não disputou a etapa, após Mücke danificar o chassi do Aston Martin, em um acidente no segundo treino de sexta-feira.

Bernoldi terminou em 12º com 64. Ricardo Zonta, que foi parceiro de Bernoldi no começo do campeonato, foi o 27º com nove. 

Entre as equipes o título ficou com a Hexis AMR com 235 pontos, três a mais do que a JR Motorsports.

Final:

1.  Pastorelli/Buurman  Exim Corvette  22 voltas em  1h02m00s695
2.  Lauck/Haase  DKR Lamborghini  + 4s043
3.  Piccione/Dusseldorp  Hexis Aston  + 13s224
4.  Bernoldi/Catsburg  Sumo Power Nissan  + 21s189
5.  Hohenadel/Piccini  Hexis Aston  + 24s786
6.  Palttala/Leclerc  Belgian Ford  + 29s243
7.  Hirschi/Nygaard  Belgian Ford  + 30s790
8.  Westbrook/Dumbreck   JRM Nissan  + 32s386
9.  Leinders/Risatti  Marc VDS Ford  + 34s467
10.  Muller/Enge  Young Driver Aston + 35s269

Abandonos:

Martin/Clairay  Marc VDS Ford  21 voltas
Rossi/Verdonck  Exim Corvette  6 voltas
Luhr/Krumm  JRM Nissan  0 volta
Schwager/Pastorelli  All-Inkl Lamborghini  0 volta
Winkelhock/Basseng  All-Inkl Lamborghini   0 volta
Brabham/Campbell-Walter  Sumo Power Nissan  0 volta
Kennard/Bruck  DKR Lamborghini  0 volta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *