Fórmula-1: Escuderia BWT Alpine F1 Team avança para o 4º lugar no Campeonato de Construtores

A escuderia BWT Alpine F1 Team subiu para o quarto lugar no Campeonato de Construtores, depois de pontuar com seus dois carros correndo em casa. Fernando Alonso conquistou um belo sexto lugar e Esteban Ocon terminou em oitavo no Grande Prêmio da França, realizado no Circuito Paul Ricard.

Ocon marcou seus primeiros pontos correndo em casa na Fórmula 1 em sua terceira tentativa, levando quatro pontos para a conta. O francês largou em décimo e cruzou a bandeira quadriculada em oitavo. Já Alonso teve um belo domingo, pontuando pela sétima vez consecutiva. Logo na primeira volta, o espanhol ultrapassou a McLaren de Lando Norris, manobra decisiva na conquista do sexto lugar. Além disso, o espanhol conquistou mais um recorde para seu legado na Fórmula 1, com o maior número de voltas completadas em grandes prêmios: 18.672.

Ocon aproveitou sua única parada no box para cumprir a penalidade de 5’’ por ter encostado em Yuki Tsunoda, na primeira volta. Depois disso, demonstrou paciência para recuperar o tempo perdido e pontuar, ultrapassando pela segunda vez a McLaren de Daniel Ricciardo, na Curva 10.

Os dois pilotos fizeram uma boa largada na sétima e décima posições do grid, com Alonso e Ocon subindo respectivamente para o 6º e 8º lugar. O carro de segurança entrou em atuação na 18ª volta após o acidente de Charles Leclerc, permitindo que vários pilotos aproveitassem para parar nos boxes. Alonso parou primeiro, para colocar pneus duros. Depois de cumprir uma penalidade do final de seu pit stop, Ocon saiu atrás de Ricciardo, que ele havia ultrapassado na sétima volta com uma bela manobra na Curva 8.

Alonso conseguiu manter Norris à distância, terminando em sexto. Demonstrando enorme paciência, Ocon fez uso de uma precisão cirúrgica para roubar o oitavo lugar de Daniel Ricciardo, faltando sete voltas para o final da prova, graças a uma manobra minuciosa feita por fora na 10ª curva.

Agora a equipe contabiliza 93 pontos no Campeonato de Construtores às vésperas do GP da Hungria que acontece na próxima semana, a última corrida antes de a categoria interromper o campeonato para um merecido descanso.

Esteban Ocon – Largada 10º / Chegada 8º: “Hoje o objetivo era marcar pontos com nossos dois carros e foi isso o que fizemos. Estou feliz com minha corrida e pilotar em casa diante de uma plateia de fãs foi uma experiência incrível – eles foram demais durante todo o fim de semana! Agradeço a todos pelo apoio. A prova foi difícil devido ao calor, mas eu curti bastante na pista, com algumas batalhas acirradas. Agora estamos em quarto no Campeonato de Construtores e partimos daqui com um sentimento muito positivo e motivados para manter esta posição. Espero que possamos ter novamente um Grande Prêmio da França no ano que vem, porque não existe nada melhor que correr em casa. Meu muito obrigado a todos os fãs e é isso aí, allez Alpine”!

Fernando Alonso – Largada 7º / Chegada 6º: “Estou satisfeito com nossa corrida de hoje. Fizemos o nosso trabalho, gerenciando muito bem o ritmo e os pneus. Tivemos que trabalhar diversos pontos em termos de equilíbrio do carro durante o fim de semana, mas terminamos logo atrás do Top 5, o que significa que fizemos uma corrida bastante sólida e aumentamos o número de pontos na nossa conta. Fiz uma boa largada subindo para o quinto lugar, mas acabamos caindo para o sexto, que era talvez a nossa posição certa na corrida. Conseguimos demonstrar que, quando temos um fim de semana com regularidade como este, podemos terminar no Top 6. Espero que possamos manter esta consistência na segunda metade da temporada e continuar avançando”.

Laurent Rossi, CEO da Alpine: “Estamos muito felizes por conquistar um bom resultado com nossos dois carros correndo em casa. Com isso, assumimos o quarto lugar do Campeonato de Construtores, o que é mais do que merecido. Foi muito bacana correr no Circuito Paul Ricard hoje com a presença dos fãs. Agradeço a eles pelo fantástico apoio que eles nos deram durante todo o fim de semana. Na pista, nós sabíamos que teríamos uma boa chance de ter um bom resultado com nossos dois carros. Para isso, era só fazer uma boa largada e foi exatamente isso o que fizemos, gerenciando bem a corrida tanto por parte da equipe como dos pilotos. O Alonso fez um trabalho excelente, levando a melhor sobre o Lando [Norris] na largada. Depois, gerenciou a corrida com raça, marcando oito pontos com seu sexto lugar. O Ocon também fez uma boa largada, mas foi penalizado por ter encostado no Yuki [Tsunoda] na primeira volta. Ele conseguiu manter a calma para recuperar a vantagem que já tinha conquistado na pista, demonstrando paciência e uma capacidade de tomar as decisões certas que foram fundamentais para ultrapassar novamente a McLaren – do Daniel [Ricciardo] – e assumir o oitavo lugar. Agora, nosso objetivo é claro: devemos fazer todo o possível para nos mantermos em quarto lugar no Campeonato de Construtores. Não vai ser fácil, mas devemos continuar realizando evoluções no carro no mesmo ritmo e fazendo bons fins de semana de corrida – assim como fizemos em casa, na França, neste fim de semana – pelo resto da temporada”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *