Fórmula-1: F1 renova por 5 anos com Circuito da Catalunha para receber o GP da Espanha

Para chegar ao acordo, os administradores prometeram mudanças no traçado da pista a fim de que a prova fique mais emocionante e atrativa

O Circuito da Catalunha, em Montmeló, seguirá recebendo o Grande Prêmio da Espanha de Fórmula 1 até 2026. O anúncio foi realizado na manhã desta sexta-feira (26) pelo presidente da F1, Stefano Domenicalli.

“Estamos muito felizes em anunciar este acordo com o Circuito de Barcelona-Catalunha. Quero agradecer aos promotores e autoridades por seu entusiasmo e compromisso em manter a Fórmula 1 em Barcelona, com mudanças que serão efetuadas na pista e instalações, para manter nossa história por mais tempo”, informou Domenicalli.

A condição para que o contrato fosse renovado por mais cinco anos era de adaptações no traçado e ajustes em equipamentos de segurança. Por ser um circuito de 1991, o modelo da pista se tornou obsoleto para os padrões atuais da categoria – que necessita de um maior uso do DRS (Sistema de Redução de Arrasto) por parte dos pilotos para proporcionar ultrapassagens e tornar as provas mais emocionantes.

O Grande Prêmio da Espanha é um dos mais tradicionais da história da Fórmula 1. Foi realizado pela primeira vez em 1951, em Pedralbes, com vitória do argentino Juan Manuel Fangio. Também receberam o GP os circuitos de Jarama, Montjuïc e Jerez – isso antes da Catalunha. Os dois maiores vencedores são Lewis Hamilton e Michael Schumacher com seis. O inglês, aliás, ganhou a etapa desta temporada ao superar Max Verstappen.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *