Fórmula 3 inglesa: Bruno Senna vence na Irlanda e encosta no líder

Diferença para o inglês Mike Conway cai para apenas cinco pontos


Com a vitória na 7ª etapa, a primeira da rodada dupla deste domingo em Mondello Park (Irlanda), Bruno Senna diminuiu para apenas cinco pontos a diferença que o separa de Mike Conway na liderança do Campeonato Inglês de Fórmula 3. Bruno dominou a prova completamente: largou na pole, liderou de ponta a ponta e estabeleceu a volta mais rápida. Na segunda corrida, vencida por Oliver Jarvis, o paulista terminou na 5º colocação.


Foi a quarta vitória de Bruno na Fórmula 3 inglesa e a sétima do ano, incluindo-se as três na Fórmula 3 australiana na preliminar do GP de Fórmula 1 em Melbourne. Na primeira corrida, Bruno beneficiou-se das características do circuito irlandês para controlar a pressão de Conway, seu companheiro de equipe na Räikkönen Robertson Racing.


“Não foi fácil. O Conway estava muito rápido e me deu trabalho para segurá-lo. Tive de tomar cuidado porque a pista estava suja, lenta e perigosa fora do trilho. Já no finalzinho da prova, na última curva, ultrapassei um retardatário, saí um pouco da trajetória e acabei botando o carro de lado. Ainda bem que percebi que o Conway ia colocar por dentro e consegui fechar a porta”, explicou Bruno.



Alberto Valério, da Cesário Formula, terminou em oitavo.


Na segunda prova, em contrapartida, as limitações da pista dificultaram a tarefa de Bruno. Ele saiu em sexto, subiu para quinto na largada, mas permaneceu o restante da corrida bloqueado pelo dinamarquês Christian Bakkerud. Bruno reclamou do comportamento “estranho” do carro. “Na volta de aquecimento, os pneus estavam com aderência tão boa quanto no treino classificatório. Depois, não sei o que aconteceu, mas o carro não tinha mais qualquer grip. Os outros pilotos da equipe relataram o mesmo problema”, comentou.



Alberto Valério foi o 16º na etapa.


Bruno voltará a correr pela Fórmula 3 no dia 15 de julho, em Snetterton. Na semana anterior, participará do Festival de Goodwood com a Lotus-Renault 95T que o tio Ayrton Senna conduziu na primeira vitória na Fórmula 1 no GP de Portugal em 1985. “Foi um bom fim de semana na Irlanda. Consegui minha quarta vitória e só não fiquei mais perto do Conway porque o Stephen Jelley não conseguiu segurar o segundo lugar na prova de abertura.”


O resultado das duas provas foi este:


7ª etapa


1 – Bruno Senna (Brasil), Räikkönen Robertson Racing, Dallara F306-Mercedes HWA, 17 voltas em 30min09s913
2 – Mike Conway (Inglaterra), Räikkönen Robertson Racing, Dallara F306-Mercedes HWA, a 0s537
3 – Stephen Jelley (Inglaterra), Räikkönen Robertson Racing, Dallara F306-Mercedes HWA, a 2s620
4 – Oliver Jarvis (Inglaterra), Carlin Motorsport, Dallara F306-Mugen, a 3s720
5 – Maro Engel (Alemanha), Carlin Motorsport, Dallara F306-Mugen, a 9s006
6 – Yelmer Buurman (Holanda), Fortec Motorsport, Dallara F306-Mercedes HWA, a 15s725
7 – Jonathan Kennard (Inglaterra), Alan Docking Racing, Dallara F306-Mugen, a 23s764
8 – Alberto Valério (Brasil), Cesário Fórmula, Dallara F306-Mugen, a 25s082
9 – Karl Reindler (Austrália), Alan Docking Racing, Dallara F306-Mugen, a 25s469
10 – James Jakes (Inglaterra), Hitech Racing, Dallara F306-Mercedes HWA, a 26s008


8ª etapa


1 – Oliver Jarvis (Inglaterra), Carlin Motorsport, Dallara F306-Mugen, 16 voltas em 30min04s338
2 – James Walker (Inglaterra), Hitech Racing, Dallara F306-Mercedes HWA, a 4s434
3 – Mike Conway (Inglaterra), Räikkönen Robertson Racing, Dallara F306-Mercedes HWA, a 5s321
4 – Christian Bakkerud (Dinamarca), Carlin Motorsport, Dallara F306-Mugen, a 6s640
5 – Bruno Senna (Brasil), Räikkönen Robertson Racing, Dallara F306-Mercedes HWA, a 7s668
6 – James Jakes (Inglaterra), Hitech Racing, Dallara F306-Mercedes HWA, a 15s259
7 – Yelmer Buurman (Holanda), Fortec Motorsport, Dallara F306-Mercedes HWA, a 16s092
8 – Maro Engel (Alemanha), Carlin Motorsport, Dallara F306-Mugen, a 18s500
9 – Stuart Hall (Inglaterra), Hitech Racing, Dallara F306-Mercedes HWA, a 19s085
10 – Karl Reindler (Austrália), Alan Docking Racing, Dallara F306-Mugen, a 20s510
16 – Alberto Valério (Brasil), Cesário Fórmula, Dallara F306-Mugen, a 43s262


A nova classificação: 1, Mike Conway, 113 pontos; 2, Bruno Senna, 108; 3, Oliver Jarvis, 88; 4, Maro Engel, 68; 5, Yelmer Buurman, 64; 6, Stephen Jelley, 48.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *