Fórmula-E: Sébastien Buemi vence na China

O suíço Sébastien Buemi (Renault e.Dams ) venceu neste sábado (24/10), o e-Prix de Beijing, na China, etapa de abertura da temporada 2015/2016 da Fórmula-E. O brasileiro Lucas di Grassi (ABT Schaeffler Audi Sport) e o alemão (Mahindra Racing Formula E Team) completaram o pódio.

Pole-position, Buemi dominou a prova. O vice-campeão da temporada 2014/2015 perdeu a liderança somente na janela de parada nos boxes, para a troca de carro.

Novamente na ponta, levou o carro com tranquilidade até o final. Recebendo a bandeirada com 11 segundos de vantagem sobre Di Grassi. O brasileiro ganhou a segunda posição depois de um pit stop lento de Heidfeld.

A disputa pelo terceiro lugar movimentou os momentos finais da prova. Heidfeld e a dupla da Dragon Racing, o francês Loic Duval e o belga Jerome D’Ambrosio, vieram colados na bandeirada, com o ex-piloto da Williams na F-1 garantindo a vaga no pódio por apenas 0s3 de vantagem sobre Duval.

D’Ambrosio foi o quinto, seguido pelos britânicos Oliver Turvey (NEXTEV TCR Formula E Team) e Sam Bird (DS Virgin Racing Formula E Team).

O francês Nathanel Berthon (Team Aguri) foi o melhor estreante, em oitavo. O alemão Daniel Abt (ABT Schaeffler Audi Sport) e o francês Stéphane Sarrazin (Venturi Formula E Team) completaram os dez primeiros.

Após a prova, Abt foi punido com o acréscimo de dez segundos no tempo (por saída perigosa dos boxes, durante a troca de carros). Com isso, Abt caiu para 11º.

Sarrazin passou para a nona posição, com o holandês Robin Frijns (Andretti Formula E Race Team) ficando com o ponto final.

O brasileiro Bruno Senna (Mahindra Racing Formula E Team) fez um bom começo de prova, entre os primeiros colocados. Mas após a troca de carro, perdeu rendimento, terminando na 13ª posição.

Campeão Mundial de F-1 em 1997, o canadense Jacques Villeneuve (Venturi Formula E Team) levou um toque do português Antônio Felix da Costa (Team Aguri) na metade da prova. Ele continuou na prova, sendo o 14º colocado.

Atual campeão, o brasileiro Nelsinho Piquet (NEXTEV TCR Formula E Team), com muitos problemas em seu carro, foi apenas o 15º.

O francês Nicolas Prost (Renault e.Dams) ocupava a terceira posição. Quando teve que recolher o carro para os boxes, faltando quatro voltas para o final, devido a asa traseira quebrada

A da suíça Simona de Silvestro (Andretti Formula E Race Team) que bateu no muro logo na segunda volta, foi a primeira a abandonar a prova.

Buemi conquistou os 30 pontos máximos disponíveis (25 da vitória, três da pole e dois da melhor volta). Di Grassi, em segundo, soma 18 pontos. 

A próxima etapa acontece na Malásia, no dia 07 de novembro.

Final:

1 BUEMI Sébastien Renault e.Dams 26 voltas  

2 DI GRASSI Lucas ABT Schaeffler Audi Sport a  11.0 

3 HEIDFELD Nick Mahindra Racing Formula E Team  a 15.7 

4 DUVAL Loïc Dragon Racing a  16.0 

5 D’AMBROSIO Jérôme Dragon Racing  a 16.5 

6 TURVEY Oliver NEXTEV TCR Formula E Team  a 39.5 

7 BIRD Sam DS Virgin Racing Formula E Team  a 47.5 

8 BERTHON Nathanaël Team Aguri  a 58.6 

9 SARRAZIN Stéphane Venturi Formula E Team  a 67.8 

10 FRIJNS Robin Andretti Formula E Race Team a  69.3

11 ABT Daniel ABT Schaeffler Audi Sport a  73.4*

12 VERGNE Jean-Eric DS Virgin Racing Formula E Team a  91.0 

13 SENNA Bruno Mahindra Racing Formula E Team a  110.8 

14 VILLENEUVE Jacques Venturi Formula E Team a 1 volta

15 PIQUET JR Nelson NEXTEV TCR Formula E Team a 2 voltas

16 PROST Nicolas Renault e.Dams a 4 voltas

17 DA COSTA Antonio Felix Team Aguri a 13 voltas

18 DE SILVESTRO Simona Andretti Formula E Race Team  a 24 voltas

• Dez segundos de acréscimo

Não participaram:

Trulli Jarno Trulli  

Liuzzi Vitantonio Trulli

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *