FRenault: Interrupção do treino de classificação prejudica Romancini em Tarumã

Piloto manteve a pole provisória até faltaram oito minutos para o fim do treino, e não conseguiu recuperar o posto com a antecipação do fim da sessão.

A interrupção do treino de classificação para a sétima etapa da Fórmula Renault Brasil, realizado nesta sexta-feira (14) no Autódromo de Tarumã, no Rio Grande do Sul, tirou do paulista Mario Romancini a provável primeira pole position de sua carreira na categoria. Mais rápido no treino até restarem oito minutos para a bandeira quadriculada, ele esperava reconquistar a posição nos instantes finais, mas não pôde voltar para a pista já que a sessão foi encerrada com cinco minutos de antecedência. A direção de prova tomou tal atitude minutos depois de decretar a segunda bandeira vermelha do treino, por alegar falta de segurança para a continuidade da classificação.

“O sexto lugar não reflete o nosso potencial. Eu tinha condições de recuperar a primeira posição ou, no mínimo, largaria na primeira fila. Não entendi a decisão já que os melhores tempos foram conquistados pouco antes da bandeira vermelha”, declarou o piloto. Romancini chegou a recuperar a segunda posição, mas como sua volta foi completada poucos instantes depois de decretada a bandeira vermelha, o tempo foi desconsiderado. “O lado positivo é que tenho um carro rápido para essa pista. Amanhã teremos a tomada de tempos para a corrida de domingo e espero que minha sorte melhore”, completou.

O melhor tempo do dia ficou com o gaúcho Vinícius Quadros, que vai largar à frente do piloto da Fórmula 3 Sul-Americana Clemente Faria Jr., que estréia na categoria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *