GP2 Asiática: Vitaly Petrov e Kamui Kobayashi vencem em Sepang

O russo Vitaly Petrov (foto), da Campos, e o japonês Kamui Kobayashi, da Dams, froam os vencedores da rodada dupla GP2 Asiática, na Malásia, em Sepang. Os dois venceram pela primeira vez na categoria. O francês Romain Grosjean, da ART, lidera o campeonato, com 35 pontos.

A chuva forte que caiu no início da primeira prova, no sábado (22/03), levou a direção de prova a acionar a bandeira vermelha, devido à quantidade de carros que rodaram e ficaram parados na caixa de brita.


Com o fim da chuva e o asfalto secando os acidentes e disputas por posições movimentaram a prova. Na 22º volta o espanhol Adrian Valles, da FMS e o suíço Sébastien Buemi, da Arden, disputavam a ponta da prova quando se tocaram e ambos abandonaram. Petrov, que saiu da 17º posição, após perder cinco posições no grid devido a uma punição, soube se livrar dos acidentes, vencendo com 6s531 de vantagem para o segundo colocado, o malaio Fairuz Fauzy, da Super Nova. O belga Jerome D’Ambrosio, da Dams, foi outro que se livrou das confusões, e depois de largar em 20º lugar, garantiu a última vaga no pódio.


Grosjean largou na pole, mas um acidente com o sérvio Milos Pavlovic, da BCN, o fez ir aos boxes, para reparos no carro, depois de sair da pista. Terminou em 9º, fora dos pontos, contudo garantiu um pontinho com a melhor volta.


Dos três brasileiros na pista, o único a terminar a prova foi Diego Nunes, da DPR, em 10º lugar. Partindo da 4º posição Bruno Senna, da iSport, chegou a liderar a primeira volta, saindo da pista e caindo para as últimas posições. Tentando recuperar posições ele rodou na 5º volta, abandonando. Alberto Valério, da Durango, ficou fora na confusão da largada.


Com a pista seca e muito sol a segunda prova neste domingo (23/03), foi dominada por Kobayashi que assumiu a ponta logo na largada, liderando todas as 22 voltas da prova. Depois de largar da 9º posição Grosjean foi o 2º, seguido por Petrov.


Grosjean passou Petrov na última curva da 11º volta, depois de um intenso duelo entre os dois.


Senna foi o 8º, ficando fora dos pontos, pois na corrida curta apenas os seis primeiros pontuam. Ele garantiu um ponto com a melhor volta da corrida. Nunes foi o 13º e Valério terminou na 17º posição.


Grosjean lidera o campeonato com 35 pontos. Petrov é o vice-líder com 24, um a mais do que Fauzy. Senna, em 4º, soma 18 pontos.


A próxima rodada dupla acontece nos dias 5 e 6 de abril no Bahrein, novamente dentro da programação da Fórmula 1.



Final, 1º prova:


1 – Vitaly Petrov – Campos – 34 voltas em 1.27’39″378
2 – Fairuz Fauzy – Super Nova – 6″531
3 – Jerome D’Ambrosio – Dams – 7″725
4 – Davide Valsecchi – Durango – 11″010
5 – Kamui Kobayashi – Dams – 11″328
6 – Yelmer Buurman – Arden – 15″262
7 – Milos Pavlovic – BCN – 35″862
8 – Harald Schlegelmilch – Trident – 41″267
9 – Romain Grosjean – ART – 51″129
10 – Diego Nunes – DPR – 1 volta
11 – Michael Herck – FMSI – 1 volta
12 – Jason Tahinci – BCN – 1 volta
13 – Marcello Puglisi – Piquet – 1 volta


volta mais rápida:: Romain Grosjean 1’46″405


Abandonos:


Armaan Ebrahim – 26 voltas
Karun Chandhok – 26 voltas
Ho Pin Tung – 23 voltas
Adrian Valles – 22 voltas
Sebastien Buemi – 22 voltas
Christian Bakkerud – 21 voltas
Bruno Senna – 5 voltas
Stephen Jelley – 4 voltas
Hiroki Yoshimoto – 2 voltas
Luca Filippi – 0 voltas
Ben Hanley – 0 voltas
Alberto Valerio – 0 voltas
Marco Bonanomi – 0 voltas


Final, 2º prova:


1 – Kamui Kobayashi – Dams – 22 voltas em 39’31″347
2 – Romain Grosjean – ART – 4″001
3 – Vitaly Petrov – Campos – 11″608
4 – Davide Valsecchi – Durango – 12″417
5 – Yelmer Buurman – Arden – 21″986
6 – Fairuz Fauzy – Super Nova – 26″080
7 – Karun Chandhok – iSport – 26″488
8 – Bruno Senna – iSport – 30″608
9 – Marcello Puglisi – Piquet – 39″353
10 – Hiroki Yoshimoto – Meritus – 39″488
11 – Michael Herck – FMSI – 40″371
12 – Milos Pavlovic – BCN – 41″385
13 – Diego Nunes – DPR – 41″996
14 – Ben Hanley – Campos – 42″187
15 – Marco Bonanomi – Piquet – 42″770
16 – Ho Pin Tung – Trident – 44″456
17 – Alberto Valerio – Durango – 48″833
18 – Stephen Jelley – ART – 49″290
19 – Armaan Ebrahim – DPR – 1’14″908
20 – Adrian Valles – FMSI – 1 volta


Volta mais rápida: Bruno Senna 1’46″548


Abandonos:
Sebastien Buemi – 18 voltas
Luca Filippi – 18 voltas
Harald Schlegelmilch – 4 voltas
Jerome D’Ambrosio – 0 volta 
Jason Tahinci – 0 volta


Campeonato:


1.Grosjean 35;
2.Petrov 24;
3.Fauzy 23;
4.Senna 18;
5.Valles 15;
6.Kobayashi, Buemi 10;
8.Valsecchi 9;
9.Chandhok, Soucek, D’Ambrosio, Hanley, Yoshimoto 6

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *