GP2 Series: Brasil bate recorde de pilotos na Espanha

Antonio Pizzonia lidera primeiro dia de testes em Jerez de la Frontera.

Nada menos do que sete pilotos brasileiros participaram dos treinos que abriram nesta segunda-feira em Jerez de la Frontera (Espanha) a terceira e última sessão de testes de inverno da GP2 Series. O número é recorde desde que a categoria estreou no início de 2005. A brigada verde-amarela foi representada por Antonio Pizzonia (FMS), o mais rápido do dia, Xandinho Negrão (Piquet Sports), Bruno Senna (ART Grand Prix), Lucas di Grassi (iSport), Alberto Valério (Arden International), Sérgio Jimenez e Luiz Razia, ambos pela Racing Engineering.


Oitavo colocado pela manhã, Xandinho Negrão terminou em 10º lugar no resultado geral. Mais do que com a própria colocação na folha de tempos, o campeão sul-americano de Fórmula 3 de 2004 estava satisfeito com os avanços no acerto do carro em relação a um dos maiores problemas da GP2 Series: o excessivo desgaste dos pneus, notadamente dos traseiros. “Fizemos uma série de experiências que funcionaram a contento. Claro que eu preferia terminar entre os cinco primeiros, mas não era esse o foco da equipe”, comentou Xandinho.


Pizzonia estabeleceu um tempo surpreendente. “A diferença dele sobre os demais foi muito além de qualquer expectativa”, admirou-se Xandinho, que perdeu a oportunidade de se aproximar um pouco mais do ex-piloto da Fórmula 1 ao encontrar tráfego pesado em sua primeira – e, portanto, mais rápida – volta com os pneus novos. “E não é só. Precisei me readaptar a uma pista onde só andei no início do ano passado. E o traçado de Jerez está longe de ser um dos mais fáceis. Como saldo, foi um treino bastante razoável”, completou.


Os testes serão encerrados nesta terça-feira.


Os tempos em Jerez de la Frontera:


1 – Antonio Pizzonia (Brasil), FMS, 1min27s184
2 – Franck Perera (França), Durango, 1min27s893
3 – Giorgio Pantano (Itália), Campos Racing, 1min28s163
4 – Mike Conway (Inglaterra), iSport, 1min28s228
5 – Jose Maria Lopez (Argentina), BCN Competición, 1min28s299
6 – Kazuki Nakajima (Japão), DAMS, 1min28s630
7 – Nicolas Lapierre (França), DAMS, 1min28s664
8 – Lucas di Grassi (Brasil), iSport, 1min28s722
9 – Pastor Maldonado (Venezuela), BCN Competición, 1min28s796
10 – Xandinho Negrão (Brasil), Piquet Sports, 1min28s974
13 – Luiz Razia (Brasil), Racing Engineering, 1min28s990
17 – Bruno Senna (Brasil), ART Grand Prix, 1min29s241
19 – Alberto Valério (Brasil), Arden International, 1min29s429
20 – Sérgio Jimenez (Brasil), Racing Engineering, 1min29s456

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *