GP2 Series: Brasileiros enfrentam hora da verdade

Xandinho, Nelsinho e Di Grassi estréiam em Valência sonhando com a Fórmula 1; SporTv transmite as provas.


A segunda temporada da Fórmula GP2 será oficialmente aberta amanhã no circuito Ricardo Tormo, em Valência (Espanha), onde uma sessão classificatória de 30 minutos definirá a ordem de largada da primeira corrida da rodada dupla do fim de semana – uma prova sábado e outra domingo. Xandinho Negrão (Medley) e Nelsinho Piquet, companheiros de equipe na Piquet Sports, além do estreante Lucas di Grassi (Durango), são os brasileiros entre os 26 pilotos inscritos na categoria. Os três sabem que dependem de bons resultados para continuar sonhando com uma vaga na Fórmula 1.

Xandinho e Nelsinho, ambos com apenas 20 anos de idade, fizeram um campeonato abaixo das próprias expectativas em 2005. Foram vítimas dos problemas organizacionais que marcaram a passagem da equipe para a Fórmula GP2. Xandinho terminou em 19º, com 4 pontos, e Nelsinho ficou em 8º, com 46. A Hitech Piquet Sports saiu da Fórmula 3 inglesa, onde era um dos times de ponta, mas não se preparou adequadamente para o ambicioso salto rumo à nova série. Só com o afastamento do sócio inglês na segunda metade do calendário é que o diretor-técnico Felipe Vargas pôde introduzir as mudanças necessárias. Com elas vieram a primeira vitória de Nelsinho, no GP da Bélgica, e o crescimento de Xandinho a partir dos testes de fim de ano, confirmado pela excelente pré-temporada que acaba de cumprir. O novato Di Grassi, de 21 anos, oriundo da Fórmula 3 européia, vencedor do GP de Macau e integrante do programa de desenvolvimento de pilotos da Renault, pode ser uma das surpresas, embora sua equipe não esteja incluída entre as mais fortes da Fórmula GP2.

Os brasileiros andaram regularmente entre os mais rápidos nos testes de inverno na Europa, realizados em Paul Ricard, Barcelona e Valência. Os principais adversários deverão estar nos boxes da ART Grand Prix. A equipe francesa, de propriedade de Nicolas Todt, empresário de Felipe Massa e filho do “capo” da Ferrari, defenderá o título conquistado por Nico Rosberg. O inglês Lewis Hamilton, há anos preso a um contrato com a McLaren, confirmou toda a fama que o precedia das modalidades de base e levou vantagem no duelo com o companheiro Alexandre Prémat, que está iniciando seu segundo ano na Fórmula GP2. A Piquet Sports – como foi renomeada desde o fim de 2005 – promete se transformar na grande rival da ART Grand Prix, como mostraram os treinos coletivos.

Na parte técnica, a Fórmula GP2 vem com novidades. O Dallara-Renault foi consideravelmente alterado comparado ao carro utilizado na temporada passada. Em relação à aerodinâmica, a asa traseira passou a ser biplana, com duas lâminas, ao contrário das três de 2005. Porém, a configuração antiga poderá ser usada em Mônaco, circuito urbano que exige o máximo de downforce. “Os três planos manteriam o carro mais parecido com o Fórmula 1, obrigando as equipes a pensar mais na escolha das regulagens. A idéia foi tornar o carro mais nervoso e difícil de pilotar, que na teoria aumentaria a competitividade. Não sei se vai funcionar. Vamos esperar pelas corridas de Valência, um circuito travadinho e de difícil ultrapassagem. Mas achei que o carro está gostoso de pilotar”, disse Xandinho, depois dos treinos desta quinta-feira naquela pista.

Na parte mecânica, a suspensão foi reforçada, como medida de segurança. Os freios, desenvolvidos exclusivamente para a Fórmula GP2 pela Brembo, ganharam novos discos e pinças com seis pistões. O motor Renault-Mecachrome V8 preparado pela Mader recebeu atualização eletrônica, além de um novo duto de ar, e ganhou 500 giros, subindo de 9.500 para 10.000.

No entanto, a principal alteração foi a entrada dos pneus slicks da Bridgestone em substituição aos modelos com ranhuras, antecipando a mudança que será feita na Fórmula 1 ao final da temporada de 2007. “O maior desafio dos testes foi acertar a parte traseira do carro para esses pneus”, explicou Xandinho.

No que diz respeito ao regulamento desportivo, o autor da melhor volta receberá apenas um ponto de bonificação – no ano passado eram dois. No entanto, valerá a marca registrada antes da parada obrigatória nos boxes para troca de pneus.

A rodada dupla de Valência será a única isolada da Fórmula 1. A programação será aberta amanhã, às 4 h (Brasília) para as tomadas classificatórias. A primeira corrida, em 45 voltas ou 75 minutos, começará às 7h30. A segunda, domingo, terá início no mesmo horário, mas com duração menor – 30 voltas ou 45 minutos – e as oito primeiras posições do grid invertidas em relação à ordem de chegada do sábado. As duas provas serão transmitidas pelo SporTv. A de sábado vai ao ar em VT, às 10h30; domingo, a emissora mostra tudo ao vivo a partir das 7h30.

O calendário da Fórmula GP2 é este:

08-09/04 – Valência (Espanha)
22-23/04 – Ímola (San Marino)
06-07/05 – Nurburgring (Alemanha)
13-14/05 – Barcelona (Espanha)
26-27/05 – Montecarlo (Mônaco) *
10-11/06 – Silverstone (Inglaterra)
15-16/07 – Magny-Cours (França)
29-30/07 – Hockenheim (Alemanha)
05-06/08 – Hungaroring (Hungria)
26-27/08 – Istambul (Turquia)
09-10/09 – Monza (Itália)

* rodada simples


Pilotos e equipes


1 Alexandre Prémat (França) ART Grand Prix
2 Lewis Hamilton (Inglaterra) ART Grand Prix
3 Michael Ammermüller (Alemanha) Arden International
4 Nicolas Lapierre (França) Arden International
5 José María López (Argentina) Super Nova International
6 Fairuz Fauzy (Malásia) Super Nova International
7 Ernesto Viso (Venezuela) iSport International
8 Tristan Gommendy (França) iSport International
9 Adam Carroll (Inglaterra) Racing Engineering
10 Javier Villa (Espanha) Racing Engineering
11 Nelsinho Piquet (Brasil) Piquet Sports
12 Xandinho Negrão (Brasil) Piquet Sports
14 Ferdinando Monfardini (Itália) DAMS
15 Franck Perera (França) DAMS
16 Luca Filippi (Itália) FMS International
17 Jason Tahinci (Turquia) FMS International
18 Hiroki Yoshimoto (Japão) BCN Competicion
19 Timo Glock (Alemanha) BCN Competicion
20 Olivier Pla (França) DPR
21 Clivio Piccione (Mônaco) DPR
22 Lucas di Grassi (Brasil) Durango
23 Sergio Hernandez (Espanha) Durango
24 Adrian Vallés (Espanha) Campos Racing
25 Felix Porteiro (Espanha) Campos Racing
26 Gianmaria Bruni (Itália) Trident Racing
27 Andreas Zuber (Áustria) Trident Racing

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *