GP2 Series: Exames descartam lesões em Victor Guerin

Piloto está liberado para correr no próximo fim de semana na Auto GP

Os exames de imagem a que foi submetido não constataram nenhuma lesão e o paulista Victor Guerin, envolvido em acidente espetacular na prova da Fórmula GP2 neste sábado em Mônaco, poderá correr na Auto GP no próximo fim de semana em Portimão (Portugal). De acordo com os médicos que o atenderam no Hospital Grace Kelly, a tala que está usando na mão direita deverá ser retirada dentro de três dias.

Em sua quarta participação na Fórmula GP2, Guerin saiu em 16º e ganhou quatro posições na largada. Logo na subida do cassino, no entanto, foi “atropelado” pelo carro do brasiliense Felipe Nasr, que vinha atrás e não percebeu o múltiplo acidente à frente de Guerin, obrigado a frear na tentativa de evitar a confusão. Nasr bateu na traseira do monoposto da Ocean Racing Technology e decolou, atingindo o carro de Johnny Cecotto na aterrissagem. Com o forte impacto, Guerin acertou um adversário antes de atingir o guard-rail. “Foi uma dessas coisas de corrida. O Nasr provavelmente não viu o que estava acontecendo e me atingiu quando freei”, disse.

Guerin deixou o cockpit sozinho, mas logo começou a se queixar de dores nas costas e na mão direita. Quando relatou aos médicos da organização do GP de Mônaco que não estava sentindo os movimentos dos dedos da mão esquerda, foi encaminhado ao hospital e passou por ressonância magnética e raios X nas costas e nas mãos. Felizmente, os resultados nada acusaram e Guerin foi medicado contra as dores provocadas pelos traumas.

O incômodo nas costas foi tratado pelo fisioterapeuta do piloto português Tiago Monteiro, sócio da Ocean Racing Technology e atualmente correndo no WTCC – Mundial de Carros de Turismo. “Vou para Portugal já na terça-feira à noite. Quero dormir em Lisboa e seguir no dia seguinte de carro para o sul, já que na quinta-feira teremos duas horas de treinos livres”, explicou. Monteiro liberou o fisioterapeuta para acompanhar Guerin ao longo da semana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *