GP2 Series: Lucas vence em Istambul pela segunda vez

Foi a primeira vitória do brasileiro pela Racing Engineering. Russo Vitaly Petrov assume liderança do campeonato.

Com uma largada agressiva e uma tocada rápida e segura durante a prova, Lucas Di Grassi (Eurobike/Schioppa/Dolly) alcançou neste domingo, na Turquia, a sua primeira vitória na temporada 2009 da GP2, principal categoria de acesso à Fórmula 1. O brasileiro da Racing Engineering largou da pole position e marcou também a volta mais rápida da prova. No campeonato, o piloto subiu à sexta posição da classificação geral, com 16 pontos.

“Larguei bem, abri uma vantagem legal, mantive uma boa distância e marquei a melhor volta da corrida. O carro estava muito bom e este resultado mostra que estamos evoluindo”, comemorou o vencedor da sexta etapa do ano, que não disputou a rodada turca da competição em 2008. O brasileiro estreou no campeonato apenas na sétima corrida do ano, e mesmo assim chegou ao final lutando pelo título, tendo feito a maior média de pontos desde que iniciou-se na disputa.

Com sua característica agressividade, Lucas conseguiu manter a ponta na largada mesmo após a boa saída do espanhol Javier Villa, que terminou em segundo. Pouco a pouco, o brasileiro foi abrindo vantagem com voltas consistentes. Até o sétimo giro, Lucas era o único piloto a virar abaixo de 1min37s, que fez a melhor volta da corrida, com 1min36s725, feito que lhe rendeu um ponto extra.

Nos giros finais, Lucas tinha mais de três de vantagem para o espanhol da equipe Super Nova. Venceu com 3s8 à frente de Villa, com o russo Vitaly Petrov – vencedor no sábado – fechando os três primeiros.

“Fisicamente, foi uma corrida muito difícil por causa do calor, que estava forte”, apontou Di Grassi, que marcou oito pontos no final de semana e subiu à sexta colocação na classificação geral, enquanto seu principal rival, o franco-suíço Romain Grosjean, não conquistou nenhum – e perdeu a liderança para o companheiro de equipe Vitaly Petrov.

“Foi mais um final de semana marcando oito pontos, o que é positivo dentro das nossas condições. Precisamos melhorar mais ainda para chegarmos à liderança do campeonato. Mas acho que estamos no caminho certo”, analisou o brasileiro, que é patrocinado pelas empresas Eurobike, Schioppa e Dolly.

A próxima rodada dupla da GP2 acontece daqui a duas semanas em Silverstone, na Inglaterra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *