GP2 Series: Pizzonia termina testes coletivos em Barcelona com o quarto tempo do dia

O amazonense fez vários ajustes com carro pesado e treinou pit-stops.

A Fórmula GP2 encerrou nesta sexta-feira (09/3) mais um conjunto de dois dias seguidos de testes em sua pré-temporada, no circuito da Catalunha, na Espanha. O brasileiro Antonio Pizzonia, da FMSI, que na quinta-feira foi o mais rápido, manteve-se entre os melhores com a quarta posição no geral. “No geral foi muito bom o nosso trabalho aqui em Barcelona. Ontem conseguimos o melhor tempo, e hoje, mesmo com problemas na bomba de combustível quando saí com pneus novos para fazer a volta rápida, fomos rápidos também, por isso estou muito contente!”, exclama o amazonense, que encontrou na Fisichella MotorSport um ambiente ideal de trabalho. O líder do dia foi o austríaco Andreas Zuber, da iSport.

Em duas sessões de três horas cada, os 26 pilotos e equipes presentes tiveram condições de pista e clima favoráveis para melhorarem seus tempos em relação ao dia anterior. Antonio considerou que o ritmo do carro está de acordo com o que se esperava. “O dia foi muito produtivo e conseguimos testar a maioria das coisas programadas. Logo cedo tivemos o problema com a bomba de combustível, que acabou nos atrasando. No entanto, foi possível aproveitar bem o período da tarde, quando trabalhamos bastante com tanque cheio e pneus usados, e fizemos acertos para condição de corrida”, comenta o manauara, que fez o terceiro melhor tempo da sessão matutina com o seu carro falhando, e o quinto na vespertina, sendo assim o mais consistente do dia.

Pizzonia também testou pit-stops, o que nunca havia feito em testes desta categoria, e se prepara para aprender mais coisas com o carro da categoria de acesso para a Fórmula 1. “A cada parada, aproveitávamos para treinar pit-stop, o que foi uma novidade da GP2 para mim. Ainda temos muita coisa para desenvolver e testar. Eu mesmo ainda preciso aprender mais coisas com este carro, até mesmo a largar com ele! Na próxima semana devemos completar toda a nossa programação”, planeja o motivado piloto que já teve experiências nas equipes Jaguar e Williams na Fórmula 1.

A experiência no automobilismo também se mostrou um fator importante, já que entre os dez melhores do dia, três deles têm passagem pela Fórmula 1: o alemão Timo Glock, que já correu pela Jordan e fechou o dia com o segundo lugar, o próprio Pizzonia, e o italiano Giorgio Pantano, que passou também pela Jordan, e ficou com a sétima melhor marca da sexta-feira.

Entre os demais brasileiros, o paulista Lucas Di Grassi (ART) fez o tempo mais rápido da tarde, com 1:27.207, e ficou com a terceira colocação geral do dia. Bruno Senna (Arden) garantiu a 10ª posição com a melhor passagem em 1:27.714, enquanto que Xandinho Negrão (Minardi/Piquet) melhorou sua marca para 1:28.194, alcançando o 16° posto. Sergio Jimenez (Racing Engineering) terminou em 23° lugar, marcando 1:28.474.

A Fórmula GP2 retornará aos testes com todas as equipes no último ciclo de ensaios da pré-temporada, no circuito francês de Paul Ricard, nos dias 15 e 16/3.

Confira os tempos combinados dos testes da GP2 nesta sexta-feira em Barcelona:
1.Andreas Zuber (AUT) iSport – 1min27s024
2. Timo Glock (ALE) iSport – 1min27s203
3. Lucas Di Grassi (BRA) ART – 1min27s207
4. Antonio Pizzonia (BRA) FMSI – 1min27s251
5. Nicolas Lapierre (FRA) DAMS – 1min27s402
6. Kazuki Nakajima (JAP) DAMS – 1min27s426
7. Giorgio Pantano (ITA) Campos – 1min27s536
8. Mike Conway (ING) Super Nova – 1min27s647
9. Michael Ammermuller (ALE) ART – 1min27s702
10. Bruno Senna (BRA) Arden – 1min27s714
11. Borja Garcia (ESP) Durango – 1min27s739
12. Luca Filippi (ITA) Super Nova – 1min27s827
13. Pastor Maldonado (VEN) Trident – 1min28s106
14. Karun Chandhok (IND) Durango – 1min28s130
15. Adrian Zaugg (AFS) Arden – 1min28s191
16. Xandinho Negrão (BRA) Minardi/Piquet – 1min28s194
17. Javier Villa (ESP) R.Engineering – 1min28s200
18. Sakon Yamamoto (JAP) BCN – 1min28s246
19. Andy Soucek (ESP) DPR – 1min28s254
20. Christian Bakkerud (DIN) DPR – 1min28s262
21. Roldan Rodriguez (MEX) Minardi/Piquet – 1min28s346
22. Ricardo Risatti (ARG) BCN – 1min28s450
23. Sergio Jimenez (BRA) R.Engineering – 1min28s474
24. Kohei Hirate (JAP) Trident – 1min28s716
25. Jason Tahinci (TUR) FMSI – 1min29s015
26. Vitaly Petrov (RUS) Campos – 1min29s350

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *