GP3 Series: Adrian Quaife-Hobbs e James Calado vencem em Valência

Os britânicos Adrian Quaife-Hobbs (Manor) e James Calado (Lotus ART) foram os vencedores da 3ª etapa da temporada, disputada em Valência, na Espanha.

Prova 1:

No sábado (25/06), Quaife-Hobbs venceu a primeira prova. Foi a sua primeira vitória na categoria. O britânico Lewis Williamson e o neozelandês Mitch Evans, parceiros na Arden, completaram o pódio.

Quaife-Hobbs assumiu a liderança na primeira curva, vencendo da ponta a ponta. Na volta final o britânico Dean Smith (Addax), que vinha em 2º, perdeu rendimento, sendo superado por Williamson, Evans e o colombiano Gabby Chaves, seu parceiro de equipe. Smith foi o 5º, seguido pelo compatriota Alexander Sims (Status GP). A dupla da ART Lotus, o finlandês Valtteri Bottas Calado fecharam os oito primeiros. Com o grid reverso Calado garantiu a pole para a segunda prova.

O brasileiro Leonardo Cordeiro (Carlin) foi o 10º. O brasileiro Pedro Nunes (Lotus ART) abandonou na 3ª volta.

Final, prova 1:

1 – Adrian Quaife-Hobbs – Manor – 14 voltas em 28’49”603
2 – Lewis Williamson – Arden – 6”547
3 – Mitch Evans – Arden – 7”406
4 – Gabby Chaves – Addax – 11”403
5 – Dean Smith – Addax – 14”315
6 – Alexander Sims – Status GP – 17”022
7 – Valtteri Bottas – Lotus ART – 18”818
8 – James Calado – Lotus ART – 19”339
9 – Nick Yelloly – Atech – 26”837
10 – Leonardo Cordeiro – Carlin – 28”342
11 – Zoel Amberg – Atech – 36”012
12 – Conor Daly – Carlin – 37”231
13 – Vittorio Ghirelli – Jenzer – 37”241
14 – Marlon Stockinger – Atech – 39”355
15 – Daniel Morad – Carlin – 40”131
16 – Tamas Pal Kiss – Tech 1 – 41”619
17 – Matias Laine – Manor – 42”700
18 – Luciano Bacheta – Mucke – 48”067
19 – Rio Haryanto – Manor – 58”934
20 – Tom Dillmann – Addax – 1’02”164

Volta mais rápida: Adria Quaife-Hobbs 1’59”663

Prova 2:

No domingo (26/06), Calado venceu a segunda prova. Foi a primeira prova de Calado e da equipe na categoria. Sims e Bottas completaram o pódio.

Saindo da pole Calado venceu de ponta a ponta. Sims assumiu a segunda posição na 4ª volta, ao passar Bottas e Smith (que nas voltas finais levou um drive-through, por ignorar bandeiras amarelas).

Evans terminou em 4º, com Chaves na 5ª posição e Williamson na 6ª posição. Nunes foi o 15º e Cordeiro o 17º.

Evans lidera o campeonato com 26 pontos, quatro a mais do que o holandês Nigel Melker (RSC Mucke), que não pontuou na etapa.

A próxima etapa acontece em Silverstone, na Inglaterra, entre os dias 09 e 10 de julho.

Final, prova 2:

1 – James Calado – Lotus ART – 14 voltas em 28’06″179
2 – Alexander Sims – Status – 4″445
3 – Valtteri Bottas – Lotus ART – 7″917
4 – Mitch Evans – MW Arden – 10″808
5 – Gabby Chaves – Addax – 18″843
6 – Lewis Williamson – MW Arden – 19″133
7 – Conor Daly – Carlin – 19″212
8 – Adrian Quaife Hobbs – Manor – 20″037
9 – Vittorio Ghirelli – Jenzer – 20″659
10 – Luciano Bacheta – RSC Mucke – 21″298
11 – Dean Smith – Addax – 22″293
12 – Nick Yelloly – Atech CRS – 22″817
13 – Tamas Pal Kiss – Tech 1 – 27″269
14 – Nico Muller – Jenzer – 28″381
15 – Pedro Nunes – Lotus ART – 34″266
16 – Marlon Stockinger – Atech CRS – 40″739
17 – Leonardo Cordeiro – Carlin – 51″691
18 – Zoel Amberg – Atech CRS – 1’01″816
19 – Nigel Melker – RSC Mucke – 1’39″578

Volta mais rápida: James Calado 1’59″500

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *