GT Brasil: GT3 e Maserati anunciam nome de novo evento nacional

Com o nome de GT Brasil, evento terá calendário de oito etapas e categorias de apoio.

A união de duas das mais badaladas categorias de Gran Turismo do mundo já tem nome: GT Brasil. O termo batiza um dos maiores eventos automobilísticos do País, que terá sua primeira edição no dia 26 de abril de 2009. Unindo o Telefônica Speedy GT3 Brasil e o Itaipava Trofeo Maserati, o encontro terá no grid os mais desejados supercarros do esporte, como Ferrari F430, Ford GT, Lamborghini Gallardo, Porsche 997 e Dodge Viper, além do Maserati GranSport. O GT Brasil, que também divulgou seu novo logotipo, contará com categorias de suporte que serão anunciadas nas próximas semanas.

“O nome GT Brasil obviamente remete ao tipo de carros que usamos, os Gran Turismo. Esta união resultará no maior evento de Gran Turismo que este país já viu, nos mesmos moldes e com a mesma qualidade dos grandes encontros realizados na Europa”, afirmou Marcello Sant’Anna, CEO da Auto+ Entretenimento, empresa responsável pelo marketing do Itaipava Trofeo Maserati. O termo Gran Turismo designa uma variação da família dos carros do tipo Turismo, ou seja, veículos de produção que, no caso, são adaptados para as corridas. De seu lado, os GT representam a alta gama da família: automóveis de grande desempenho, dotados em sua maioria de apenas dois lugares. Estes supercarros também têm entre suas características a adoção de tecnologia de ponta e o acabamento mais requintado da indústria. “No exterior, as categorias do tipo Turismo são muito unidas, e nós estamos seguindo este bom exemplo”, continuou Sant’Anna.

O objetivo do GT Brasil é oferecer um melhor espetáculo ao público, trazendo em um mesmo final de semana dois campeonatos nacionais de Gran Turismo, com carros que são o sonho de qualquer amante de automobilismo. “É a junção do que há de melhor nas competições de Turismo do Brasil, aumentando assim o interesse do público, que se identifica com estes carros vistos nas pistas e que ele sonha em ter um dia”, acrescenta Kiko Barros, diretor-executivo da SRO Latin America, empresa organizadora do Telefônica Speedy GT3 Brasil.

Grande estrutura – O GT Brasil também terá uma estrutura capaz de agradar a todos os gostos. “As duas categorias somam forças para trazer, além da competição, o entretenimento. O público presente nas corridas vai ter, além dos carros em ação na pista, uma série de outras atividades, muitas delas voltadas para a família. É um novo conceito”, ressalta Thales Figueiredo, diretor de marketing da SRO Latin America.

“Mais do que disso”, acrescenta Kiko Barros, “uma melhor estrutura promoverá uma maior possibilidade de networking, de realização de negócios e relacionamento entre empresas e clientes. Um hopitality center (HC), por exemplo, rentabiliza o investimento destes parceiros em visibilidade e relacionamento”, conclui Marcelo Sant’Anna.

“O GT Brasil une o que há de melhor no Telefônica Speedy GT3 Brasil e no Itaipava Trofeo Maserati: a competência da SRO Latin America com a estrutura do evento, e a experiência da Auto+ com entretenimento e relacionamento. É o que vai fazer do GT Brasil um dos eventos esportivos e de entretenimento mais completos do País”, afirmou Sant’Anna. “É fundamental promover este conforto e fazer do GT Brasil um evento para toda a família”, conclui Kiko Barros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *