GT Brasil: João Gonçalves e Caê Coelho fecham sexta-feira (26) na frente na Itaipava GT4

Atividades prosseguem com os treinos classificatórios e a primeira corrida neste sábado (27)

Em Interlagos, uma pista anteriormente conhecida pela força do Ferrari Challenge, duas Ginettas G50 e o Aston Martin Vantage dominaram os treinos livres desta sexta-feira na categoria Itaipava GT4. João Gonçalves e Caê Coelho foram os mais rápidos do dia, com 1min47s122, de Ginetta G50. Em segundo, substituindo Oswaldo Federico nesta etapa, ficou Rodrigo Navarro, parceiro de Marcelo Losasso no Aston Martin Vantage. Fechando os três primeiros, outro Ginetta G50, mas agora de William Freire e Marçal Melo.

Feliz com o resultado, Caê Coelho parabenizou João Gonçalves e a equipe pelo resultado. “Eu estou muito feliz, conseguimos terminar na frente um dia de muito trabalho, só preciso agradecer a todos pelo esforço que estão fazendo e ao João pela excelente volta. Teria sido um dia perfeito se não fosse o problema no final do treino”, conta o piloto, que acabou sofrendo um acidente, sem maiores consequências, na Descida do Lago.

“Tive um problema no freio e acabei batendo. Foi um grande susto, e uma pena pelo tempo perdido de pista e agora o necessário para consertar o Ginetta, mas vamos continuar trabalhando e seguir forte durante o fim de semana, pelo menos é o que eu mais quero. Seria muito bom conquistar um pódio nesta etapa”, conclui Caê Coelho. Para o segundo colocado do dia, Rodrigo Navarro, a sexta-feira de treinos livres foi mais um bom dia de trabalho da equipe.

“Hoje começamos o dia já com um bom ritmo, mas trabalhamos muito entre as duas sessões em cima do ajuste fino e acredito que estamos muito próximos do ideal. Estou muito feliz com o resultado, mas que seja só o começo. Espero subir ao pódio para dar este troféu ao Oswaldo Federico, que me deu esta oportunidade tão especial de competir, ainda mais em um carro incrível como o Aston Martin. Foi um primeiro passo muito importante”, encerra Rodrigo Navarro.

William Freire, parceiro de Marçal Melo, festejou a oportunidade de superar os modelos Ferrari Challenge, que antes das mudanças de equilíbrio de desempenho eram os mais fortes em São Paulo. “O carro está muito bem acertado e a chicane acabou nos favorecendo muito em relação aos Ferraris, já que eles perdem velocidade no final da reta. Tanto eu quanto o Marçal estamos andando bem, então estou com a expectativa de ter um bom fim de semana aqui em Interlagos”.

OS MELHORES TEMPOS NA ITAIPAVA GT4

1º) 55 – J.Gonçalves/C.Coelho (GI, SP/SP), 1:47.122
2º) 61 – F.Croce/D.Croce (VI, SP/SP), 1:47.286
3º) 73 – R.Navarro/M.Losasso (MA, SP/SP), 1:47.301
4º) 82 – M.Melo/W.Freire (GI, SP/SP), 1:47.454
5º) 81 – C.Burza/L.Burti (GI, SP/SP), 1:47.771
6º) 52 – André Posses (PS, SP), 1:47.852
7º) 21 – V.Rossete/F.Greco (MA, SP), 1:47.989
8º) 57 – S.Laganá/A.Hellmeister (FC, SP/SP), 1:48.046
9º) 72 – C.Federico/C.Lara (AM, SP/SP), 1:48.716
10º) 121 – J.Marcelo/L.Medrado (MA, SP/SP), 1:49.676
11º) 17 – M.Santanna/C.De Rey (FC, SP), 1:49.758
12º) 6 – Valter Pinheiro (GI, SP), 1:50.926
13º) 155 – De Luca/S.Melo (MA, SP), 1:52.361
14º) 10 – D.Mendes/V.Patrocinio (MA, SP/SP), 1:58.704

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *