GT Brasil: Valdeno Brito e Matheus Stumpf vencem por um décimo em Campo Grande

Carro da dupla recebeu pressão de seis carros, mas chegou à frente por 0s129

Em determinado momento da prova, eram seis carros na disputa direta pela vitória na prova deste domingo (23), válida pela antepenúltima etapa do campeonato, em Campo Grande (MS). Foi a bravura do líder Valdeno Brito, parceiro de pilotagem de Matheus Stumpf, que transformou a corrida na parte final: ele se manteve à frente de um grupo de pilotos mais rápidos naquele momento, suportando sem erro os ataques dos adversários e cruzando a linha de chegada apenas um décimo à frente de Allam Khodair, que divide o carro com Marcelo Hahn. A diferença entre eles foi de apenas 0s129.

“Foi uma das minhas corridas mais difíceis”, falou Valdeno Brito. “Esta pista não te permite sair nem dez centímetros do traçado ideal. Nosso carro sofreu bastante com o desgaste dos pneus, mas felizmente deu tudo certo. Matheus (Stumpf) fez uma corrida brilhante na primeira parte e estou muito feliz pelo resultado, principalmente por ter sido tão complicado”, comemorou o piloto, que alcançou a sétima conquista da dupla em 2011. Já é mais do que eles conseguiram no ano passado, durante toda a campanha pelo título de 2010.

Allam Khodair queria mais, claro, mas sabe que fez o possível em Campo Grande. “Mais uma volta e talvez fosse possível… Mas quero dar os parabéns a todos pela corrida”, disse Allam Khodair. “Foi realmente estressante. Logo que sai dos boxes, prejudiquei um pouco o carro no toque com Pedro Queirolo e no final também bati com o Xandinho Negrão. Depois disso tudo o carro tremia inteiro e deixou as freadas complicadas. Fui cauteloso para não causar um problema, mas tanto eu quanto o Valdeno conhecemos muito bem a pista, então quando cheguei perto fui para cima”.

Atrás deles, chegou um carro que inicialmente não aparecia na tela de cronometragem, mas depois seria anunciado como terceiro colocado: o modelo pilotado por Daniel Serra, parceiro de Chico Longo. Eles haviam sido excluídos da corrida por não cumprirem uma passagem extra pelos boxes como punição por um suposto toque em Claudio Ricci, que corre com Rafael Derani. Mas depois da corrida, com a análise de novas imagens, inclusive da câmera onboard de Daniel Serra, a direção de prova decidiu retirar a punição e ele foi declarado terceiro colocado.

A próxima etapa da temporada do Itaipava GT Brasil será disputada nos dias 12 e 13 de novembro, no autódromo do Velopark, em Nova Santa Rita.

O RESULTADO FINAL EM CAMPO GRANDE

1º) 7 – V.Brito/M.Stumpf (FO, PB/RS), 32 voltas em 50:42.950 (média de 132,65 km/h)
2º) 16 – M.Hahn/A.Khodair (LA , SP/SP), a 0.129
3º) 19 – C.Longo/D.Serra (FE , SP/SP), a 1.154
4º) 33 – B.Garfinkel/R.Mauricio (LA , SP/SP), a 1.872
5º) 9 – X.Negrão/X.Negrão (LA , SP/SP), a 2.314
6º) 3 – R.Derani/C.Ricci (FE , SP/RS), a 25.780
7º) 13 – Pedro Queirolo (CO , SP), a 35.594
8º) 105 – V.Faria/R.Guerra (LA , SP/SP), a 42.820
9º) 30 – Cleber Faria (LA , SP), a 59.122
10º) 5 – J.Moro/A.Coelho (FO , SP/SP), a 2:07.308
11º) 75 – H.Assunção/R.Kastropil (LA , SP), a 1 volta

CLASSIFICAÇÃO DA ITAIPAVA GT3 (APÓS 16 DE 20 ETAPAS)

1º- Matheus Stumpf/Valdeno Brito – Ford GT – 204 pontos
2º- Xandy Negrão/Xandinho Negrão – Lamborghini LP600 – 188
3º- Cláudio Ricci/Rafael Derani – Ferrari F458 – 166
4º- Allam Khodair/Marcelo Hahn – Lamborghini LP600 – 152
5º- Cleber Faria – Lamborghini LP560 – 145
6º- Pedro Queirolo – Corvette Z06R – 135
7º- Chico Longo/Daniel Serra – Ferrari F458 – 108
8º- Wagner Ebrahim – Audi R8 LMS – 102
9º- Paulo Bonifácio – Ford GT – 95
10º- Renan Guerra/Vanuê Faria – Lamborghini LP560 – 90
11º- Bruno Garfinkel – Lamborghini LP600 – 85
12º- Ricardo Maurício – Lamborghini LP600 – 77
13º- Juliano Moro – Ford GT – 66
14º- Cláudio Dahruj/Rodrigo Sperafico – Corvette Z06R – 44
15º- Enrique Bernoldi – Ford GT – 35
16º- Fernando Croce – Corvette Z06R – 33
17º- Daniel Croce – Dodge Viper Competition Coupé – 26
18º- Henrique Assunção – Lamborghini Gallardo LP560 – 20
19º- Aluízio Coelho – Ford GT – 16
20º- Ronaldo Kastropil – Lamborghini LP560 – 15
21º- Walter Derani – Ferrari F430 – 14
22º- Sérgio Jimenez – Ford GT – 8
23º- Antônio Pizzonia – Ferrari F430 – 7
23º- Ricardo Ricca/Rafael Daniel – Lamborghini Gallardo LP500 – 7
25º- Fernando G. Croce – Corvette Z06R – 6
26º- Fernando Poeta – Lamborghini Gallardo LP560 – 5
27º- João Adibe – Ford GT – 3
27º- Josué Pimenta – Ferrari F430 – 3
29º- Sérgio Lucio – Lamborghini Gallardo LP560 – 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *