GT Open: Corvette e Mercedes vencem em Jerez

As duplas Nicky Pastorelli/Miguel Ramos (Corvette Z06/ V8Racing) e Miguel Toril/Renger Van Der Zande (Mercedes SLS/Seyffarth) foram os vencedores da quarta etapa do International GT Open, disputada no Circuito de Jerez, na Espana.


Prova 1:

Pastorelli/Ramos venceram no sábado (15/06), a primeira prova. Foi a segunda vitória da dupla no ano. A dupla Andrea Montermini/Luca Filippi (Ferrari 458/ Villorba) terminou em segundo, seguida pela dupla Niccolò Schirò/Archie Hamilton (Porsche 997/DriveX).

Na largada, Montermini assumiu a liderança, seguido por Isaac Tutumlu (Porsche 997 R/Autorlando), o pole Schirò e Ramos.

Em duas voltas seguidas, Ramos superou Schirò e Tutumlu, indo para segundo.

Com o final das paradas nos boxes, e a troca de pilotos, Hamilton era o líder com 3s6 de vantagem, seguido por Pastorelli e Filippi, que vinham colados.

Na 27ª volta, o Safety-Car foi acionado, após Jacky Camp (Corvette Z06/V8Racing) rodar e ficar parado no meio da pista.

Na relargada, Hamilton foi ultrapassado por Pastorelli e Filippi. Na 32ª volta, faltando oito minutos para o final, o motor do Porsche 997 começou a pegar fogo. Hamilton saiu rapidamente do carro, que ficou muito danificado. A bandeira vermelha foi agitada, com o resultado da prova obedecendo à ordem da volta anterior.

Tutumlu/Dimitirs Deverikos terminaram em quarto (vencedores na Classe GTS), seguidos pela dupla João Figueiredo/Cesar Campanico (Audi R8/Novadriver).   

Os dois McLaren MP4-12C da BhaiTech foram punidos com um pênalti de 40 segundos, por não cumprirem o tempo preciso determinado para a parada obrigatória.

Como a prova terminou em bandeira vermelha, não tiveram temp ode cumprir o drive-through. Com isso o brasileiro Rafael Suzuki, em dupla com o italiano Giorgio Pantano, e o brasileiro Luiz Razia, em dupla com o neozelandês Chris Van Der Drift, terminaram na 19ª e 20ª posição, respectivamente.

Final, prova 1:

1 – Ramos-Pastorelli (Corvette Z06) – V8Racing – 31 voltas
2 – Montermini-Filippi (Ferrari 458) – Villorba – 1″057
3 – Hamilton-Schirò (Porsche 997) – DriveX – 5″398
4 – Tutumlu-Deverikos (Porsche 997 R) – Autorlando – 5″961
5 – Firueredo-Campanico (Audi R8) – Novadriver – 10″631
6 – Sijthoff-Longin (Corvette Z06) – V8Racing – 11″357
7 – Costantini-Barba (Ferrari 458 GT3) – Ombra – 12″549
8 – Bontempelli-De Marco (Ferrari 458 GT3) – Kessel – 15″557
9 – Talkanitsa-Talkanitsa (Ferrari 458) – AF Corse – 15″987
10 – Beretta-Lyons (Ferrari 458 GT3) – AF Corse – 16″761
11 – Giao-Da Veiga (Audi R8) – Novadriver – 17″175
12 – Laursen-Magnussen (Ferrari 458 GT3) – Kessel – 20″520
13 – Pier Guidi-Skryabin (Ferrari 458 GT3) – Esta – 22″550
14 – Rosell-Mavlanov (Ferrari 458 GT3) – Russian Bears – 23″035
15 – Maleev-Ladygin (Ferrari 458 GT3) – Russian Bears – 27″245
16 – Flohr-Castellacci (Ferrari 458 GT3) – Kessel – 28″061
17 – Di Guida-Bleekemolen (Porsche 997 GT3) – Autorlando – 29″206
18 – Villalba-Gutierrez (Ginetta G55) – Villalba – 43″337
19 – Suzuki-Pantano (McLaren MP4-12C) – BhaiTech – 40’53″405
20 – Van Der Drift-Razia (McLaren MP4-12C) – BhaiTech – 40’54″646

21 – Calari-Zampieri (Ferrari 458 GT3) – Kessel – 41’06″323
22 – Earle-Kremer (Ferrari 458 GT3) – Kessel – 1 volta
23 – Abresch-Camp (Corvette Z06) – V8Racing – 7 voltas

Prova 2:

Após abandonarem a prova de sábado, a dupla Toril/Van Der Zande conquistou no domingo (16/06) pela primeira vez, a vitória no geral, com um carro da Classe GTS (carros GT3). Montermini/Filipi, que guiam um carro da Classe Super GT (carros GT2), terminaram em segundo, seguidos por outro carro da GTS, da dupla Manuel Gião/Lourenço Da Veiga (Audi R8/Novadriver). Gião/Da Veiga competem apenas pelo GT Espanhol, e não pontuam no GT Open.

Van der Zande começou a prova, entregando o carro para Toril na quarta posição. Na 23ª volta, após uma intensa disputa com Montermini e Da Veiga, Toril passou os dois e assumiu a liderança.

A dupla Alexander Talkanitsa Sr./Alexander Talkanitsa Jr. (Ferrari 458/AF Corse) terminou em quarto, seguida pela dupla Diederich Sijthoff/Bert Longin (Corvette Z06/V8Racing).

Suzuki/Pantano terminaram em oitavo no geral, e como Gião/Da Veiga não pontuam no GT open, garantiram o terceiro lugar na Classe GTS.

Razia levou um toque e com a suspensão traseira danificada, rodou na penúltima volta. Terminou em 22º no geral, e 18º na classe.    

Montermini lidera o campeonato com 146 pontos, 14 a mais do que Filippi (que não disputou toda a etapa de Algarve). Pastorelli/Ramos, com 103, estão em terceiro. Suzuki/Pantano, com 39, são décimo. Razia/van Der Drift, com 33, 15.

Pela Super GT, Montermini soma 68 pontos, contra 62 de Filippi.

Toril lidera na GTS, com 29 pontos. Suzuki/Pantano, com 24, são terceiro. Razia/Van Der Drift, com 22, quintos.

A próxima etapa acontece em Silverstone, na Inglaterra, entre os dias 13 e 14 de julho.     

Final, prova 2:

1 – Toril-Van Der Zande (Mercedes SLS) – Seyffarth – 27 voltas
2 – Montermini-Filippi (Ferrari 458) – Villorba – 05″508
3 – Giao-Da Veiga (Audi R8) – Novadriver – 07″922
4 – Talkanitsa-Talkanitsa (Ferrari 458) – AF Corse – 08″947
5 – Sijthoff-Longin (Corvette Z06) – V8Racing – 12″353
6 – Ramos-Pastorelli (Corvette Z06) – V8Racing – 17″728
7 – Di Guida-Bleekemolen (Porsche 997 GT3) – Autorlando – 21″574
8 – Suzuki-Pantano (McLaren MP4-12C) – BhaiTech – 28″396
9 – Beretta-Lyons (Ferrari 458 GT3) – AF Corse – 30″979
10 – Costantini-Camathias (Ferrari 458 GT3) – Ombra – 37″550
11 – Rosell-Mavlanov (Ferrari 458 GT3) – Russian Bears – 40″748
12 – Laursen-Magnussen (Ferrari 458 GT3) – Kessel – 40″789
13 – Figueiredo-Campanico (Audi R8) – Novadriver – 41″137
14 – Pier Guidi-Skryabin (Ferrari 458 GT3) – Esta – 57″118
15 – Francesco Castellacci (Ferrari 458 GT3) – Kessel – 1’05″503
16 – Sdanewitsch-Rugolo (Ferrari 458 GT3) – AF Corse – 1’05″892
17 – Calari-Zampieri (Ferrari 458 GT3) – Kessel – 1’24″634
18 – Bontempelli-De Marco (Ferrari 458 GT3) – Kessel – 1’29″081
19 – Villalba-Gutierrez (Ginetta G55) – Villalba – 1’45″740
20 – Earle-Kremer (Ferrari 458 GT3) – Kessel – 1 volta
21 – Maleev-Ladygin (Ferrari 458 GT3) – Russian Bears – 1 volta
22 – Van Der Drift-Razia (McLaren MP4-12C) – BhaiTech – 2 voltas

Abandonos:

Tutumlu-Deverikos (Porsche 997 R) – Autorlando – 6 voltas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *