Império Endurance Brasil chega ao Velopark com disputa acirrada nas principais categorias

Brigas peloa liderança da GT3, GT4 e GT3 Light estão empatadas e corrida deste final de semana no circuito mais curto da temporada ganha clima de decisão

O Império Endurance Brasil chega a Porto Alegre neste final de semana para a disputa da sua terceira etapa da temporada com o campeonato embolado em praticamente todas as categorias. É justamente este enorme equilíbrio de forças que promete deixar a disputa das 4 horas do Velopark ainda mais emocionante.

Uma das disputas mais acirradas está na categorias GT3, onde Xandinho Negrão – que dividiu a pilotagem do seu Mercedes AMG GT3 com André Negrão na primeira etapa e com Ricardo Zonta na segunda – lidera com os mesmos 190 pontos da dupla da Porsche Marcel Visconde e Ricardo Maurício.

“Acredito bastante no potencial do Porsche no Velopark. A pista é mais curta, tem curvas de baixa, muita tração, e o Porsche costuma ter um melhor desempenho em relação a Mercedes neste tipo de traçado. Além disso, temos um carro com desgaste de pneus muito menor em relação ao nosso principal concorrentes e essa também deve ser uma das nossas armas nesta etapa”, contou Ricardo Maurício.

“A disputa este ano promete ser muito equilibrada, com a Mercedes e a Porsche medindo forças etapa a etapa na briga pelo título. No Velopark, estarei ao lado do Ricardo Baptista, que é um piloto experiente, já competiu com a Mercedes na Europa, e acredito que formarmos uma dupla muito competitiva e com totais condições de buscar uma nova vitória, que seria muito importante para o campeonato”, avaliou Xandinho.

Também tem empate na categoria GT4. Alexandre Auer e Guilherme Salas somam até o momento os mesmos 190 pontos dos estreantes Léo Sanchez e Átila Abreu. As duas duplas competem a bordo de de uma Mercedes AMG.

“Estamos muito animados com a chegada desta etapa. Estamos em uma crescente no campeonato, vindos de uma vitória emocionante em Curitiba, e a disputa com o Auer e o Salas está realmente muito acirrada”, disse Átila Abreu, que sabe que a prova de quatro horas no Velopark não será nada fácil. “O Velopark é uma pista muito travada, com poucos pontos de ultrapassagem, e muitos carros de velocidades diferentes na mesma corrida. Ter paciência e não se atrapalhar na negociação de posição com os adversários será essencial. A prova vai se transformar em verdadeiro jogo de xadrez”, completou.

“Estamos chegando na metade do campeonato e vencer será importante para que não deixemos nossos adversários abrirem vantagem. Pelo contrário. Nosso objetivo é fechar a primeira parte da competição na frente”, disse Auer, que venceu a etapa de abertura em Interlagos, mas viu a vitória escapar no finalzinho da disputa em Curitiba. “Sabemos onde erramos e sabemos o que precisamos fazer para melhorar. Esperamos colocar tudo em prática neste sábado para sair do Sul com um bom resultado. De preferência, a vitória”, disse.

Os empates seguem em 190 pontos também na GT4 Light, onde Ricardo Mendes, Tom Filho e Marçal Muller e sua Ferrari 458 tem a mesma pontuação da dupla do Aston Martin Sérgio Ribas e Guilherme Ribas.

Já na categoria P1, a mais potente do Império Endurance Brasil, Tiel Andrade, Julio Martini e Nelsinho Piquet encara a disputa em casa como uma oportunidade para se recuperarem no campeonato.

Depois de vencer a etapa de abertura do campeonato em Interlagos, o trio viu Pedro Queirolo e David Muffato, mais regulares, tomarem a ponta da tabela após a etapa de Curitiba. Passadas as duas primeiras rodadas, os pilotos da MC Tubarão somam 160 pontos. São 30 a menos do que a dupla Queirolo e Muffato. Ambos competem a bordo de um protótipo AJR.

“Os problemas que tivemos na última corrida acabaram prejudicando nossa pontuação e precisamos buscar uma nova vitória para embolar o campeonato e não deixar nossos adversários abrirem distância. Temos um carro muito rápido, um time forte, e nosso objetivo é conquistar o título desta temporada”, afirmou Nelsinho Piquet.

“A regularidade é muito importante neste campeonato e temos que manter isso no Velopark para segurar a liderança e nos mantermos sempre na ponta. Temos uma dupla homogênea, nosso carro está muito competitivo e isso será essencial na busca pelo título”, disse Muffato.

As atividades de pista no circuito do Velopark, palco da terceira etapa do Império Endurance Brasil, começam na quinta-feira, com treinos que vão das 13h às 18h. Na sexta, além dos treinos livres, acontece a tomada classificatória. A definição do grid é dividia por categorias e terá início às 15h30, com término previsto para as 17h25.

No domingo, os carros voltam à pista para a disputa das Quatro Horas do Velopark. A prova que terá o maior número de voltas da temporada tem início marcado para as 11h30 e será transmitida na íntegra pelo canal do Império Endurance Brasil no Youtube e também pelo Sportv.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *