Indy500: Simon Pagenaud vence a 103ª edição das 500 Milhas de Indianápolis

O francês Simon Pagenaud (Team Penske) venceu neste domingo (26/05) a 103ª edição das 500 Milhas de Indianápolis, no Indianápolis Motor Speedway, sexta etapa da temporada. Foi a segunda vitória de Pagenaud no ano, e 13ªna categoria. O norte-americano Alexander Rossi (Andretti Autosport) e o japonês Takuma Sato (Rahal Letterman Lanigan Racing) completaram os três primeiros.

Pole-position Pagenaud dominou a prova, liderando 116, das 200 voltas programadas. O francês assumiu a ponta, em definitivo, na penúltima volta, ao superar Rossi, para vencer com s208 de vantagem.

Pagenaud se tornou o terceiro francês a vencer a mais tradicional prova do automobilismo norte-americano. Jules Goux venceu em 1913 com um Peugeot, e René Thomas com um Delage no ano seguinte.

Depois de ter problemas durante um pit stop, no começo da prova, Sato fez uma grande prova de recuperação, terminando em terceiro.

O norte-americano Josef Newgarden (Team Penske) terminou em quarto, seguido pelo parceiro de equipe, o australiano Wil Power, o norte-americano Ed Carpenter (Ed Carpenter Racing).

O norte-americano Santino Ferrucci (Dale Coyne Racing), em sétimo, foi o melhor rookie na prova.

O norte-americano Ryan Hunter-Reay (Andretti Autosport), o brasileiro Tony Kanaan (A. J. Foyt Enterprises) e o norte-americano Conor Daly (Andretti Autosport) completaram os dez primeiros.

O brasileiro Matheus Leist (A. J. Foyt Enterprises) terminou na 15ª posição. Tricampeão da prova, o brasileiro Hélio Castroneves (Team Penske) se envolveu em um incidente nos pits, com o australiano James Davison (Dale Coyne Racing with Byrd and Belardi) logo no começo. Castroneves levou um drive-through, pelo toque no carro de Davison, e terminou na 18ª posição.

Um mecânico do britânico Jordan King (Rahal Letterman Lanigan Racing) foi atropelado durante um pit stop. Com fraturas nas pernas, ele foi levado para um hospital. King levou um drive-through pelo incidente.

Foram apenas quatro bandeiras durante a prova, sendo a última vermelha.

A primeira amarela aconteceu entre as voltas 6 e 8, após o norte-americano Colton Herta (Harding Steinbrenner Racing) ficar lento na pista.

O canadense James Hinchcliffe (Schmidt Peterson Motorsports) acertou o muro da curva 4, provocando a segunda amarela entre as voltas 73 e 78.

Parceiro de Hinchcliffe, o rookie sueco Marcus Ericsson provocou a terceira amarela, entre as voltas 138 e 147, ao bater dentro dos pits.

Faltando 22 voltas para o final, o francês Sebastien Bourdais (Dale Coyne Racing) e o norte-americano Graham Rahal (Rahal Letterman Lanigan Racing) se tocaram. Bourdais rodou, sendo acertado por Rahal, e iniciando um sequência de batidas, que também envolveu o sueco Felix Rosenqvist (Chip Ganassi Racing), e o norte-americanos Charlie Kimball (Carlin) e Zach Veach (Andretti Autosport).

A prova ficou paralisada, em bandeira vermelha, por 18 minutos. A relargada aconteceu na 187ª volta. Pagenaud e Rossi trocaram de liderança por cinco vezes, até o francês fazer a manobra decisiva, por fora na curva 3, na penúltima volta.

Pagenaud assumiu a liderança do campeonato com 250 pontos, seguido por Newgarden com 249.

A próxima etapa acontece em Detroit, em rodada dupla, nos dias 01 e 02 de junho.

Final:

1 22 Simon Pagenaud Team Penske 200 2:50:39.279
2 27 Alexander Rossi Andretti Autosport + 0.208
3 30 Takuma Sato Rahal Letterman Lanigan Racing + 0.341
4 2 Josef Newgarden Team Penske + 0.897
5 12 Will Power Team Penske + 1.617
6 20 Ed Carpenter Ed Carpenter Racing + 1.979
7 19 Santino Ferrucci Dale Coyne Racing + 2.805
8 28 Ryan Hunter-Reay Andretti Autosport + 4.019
9 14 Tony Kanaan A. J. Foyt Enterprises + 4.770
10 25 Conor Daly Andretti Autosport + 5.345
11 5 James Hinchcliffe Schmidt Peterson Motorsports + 5.482
12 33 James Davison Dale Coyne Racing with Byrd and Belardi + 6.225
13 63 Ed Jones Ed Carpenter Racing + 7.550
14 21 Spencer Pigot Ed Carpenter Racing + 8.556
15 4 Matheus Leist A. J. Foyt Enterprises + 10.415
16 39 Pippa Mann Clauson-Marshall Racing + 2.565
17 9 Scott Dixon Chip Ganassi Racing + 14.759
18 3 Hélio Castroneves Team Penske 199 voltas
19 24 Sage Karam Dreyer & Reinbold Racing 199
20 48 J.R. Hildebrand Dreyer & Reinbold Racing 199
21 60 Jack Harvey Meyer Shank Racing with Schmidt Peterson Motorsports 199
22 77 Oriol Servià Team Stange Racing with Arrow Schmidt Peterson 199
23 7 Marcus Ericsson Schmidt Peterson Motorsports 198
24 42 Jordan King Rahal Letterman Lanigan Racing 198
25 23 Charlie Kimball Carlin 196
26 98 Marco Andretti Andretti Herta Autosport with Curb-Agajanian 195
27 15 Graham Rahal Rahal Letterman Lanigan Racing 176
28 10 Felix Rosenqvist Chip Ganassi Racing 176
29 26 Zach Veach Andretti Autosport 176
30 18 Sebastien Bourdais Dale Coyne Racing 176
31 32 Kyle Kaiser Juncos Racing 71
32 81 Ben Hanley DragonSpeed 54
33 88 Colton Herta Harding Steinbrenner Racing 3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *