IndyCar: Dario Franchitti conquista a pole-position em Sonoma

O escocês Dario Franchitti, da Ganassi, marcou neste sábado (22/08), a pole-position para o GP de Sonoma, em Sears Point, nos EUA, 14ª etapa da temporada. O escocês começou a superpole, com os seis mais rápidos, dando um passeio fora da pista. Duas voltas depois, após limpar os pneus do seu Dallara-Honda, Franchitti conquistou a pole, com o tempo de 1m16s7987.

O australiano Ryan Briscoe, da Penske, foi 0s0498 mais lento e fecha a primeira fila. O brasileiro Helio Castroneves, parceiro de Briscoe, sai em 3º, ao lado do norte-americano Marco Andretti, o melhor dos cinco carros da Andretti-Green. Seu parceiro, o japonês Hideki Mutoh, conquistou seu melhor resultado em um circuito de rua, e larga em 5º. O norte-americano Graham Rahal, da Newman/ Haas/ Lanigan, completou os seis que disputaram a superpole.

O brasileiro Tony Kanaan, que perdeu a vaga na parte decisiva do treino para o parceiro Mutoh, larga em 7º. Estreando na categoria, com o quinto carro da Andretti-Green, o francês Franck Montagny, fez um ótimo 8º tempo.

Líder do campeonato, o neozelandês Scott Dixon, da Ganassi, larga apenas em 10º.

Retornando as pistas, após não disputar o GP de Mid-Ohio devido ao falecimento do pai, o brasileiro Mario Moraes, da KV, sai da 14ª posição. O brasileiro Raphael Matos, da Luczo Dragon, larga em 18º.

O grid ficou reduzido dos 24 carros iniciais para 22, após o acidente entre o australiano Will Power, da Penske, e o francês Nelson Philippe, da Conquest, no treino livre. Retornando a categoria Philippe rodou na saída da curva quatro, parando seu carro na pista, sendo acertado pelo venezuelano Ernesto Viso, da HVM. Pouco depois Power bateu de lado no carro de Power.

Viso deixou seu carro sem problemas com Power e Philippe sendo retirados pela equipe médica. O australiano foi levado, de helicóptero, para o hospital, sendo contatada fratura nas vértebras L2 e L3, localizadas na região lombar. Power deve passar por uma ressonância magnética. Transferido de ambulância, o francês sofreu fratura exposta no pé esquerdo e terá que passar por cirurgia. Ambos os pilotos também sofreram concussão.  

Grid:

1 – Dario Franchitti – Ganassi – 1:16.7987
2 – Ryan Briscoe – Penske – 1:16.8485
3 – Helio Castroneves – Penske – 1:16.8702
4 – Marco Andretti – Andretti-Green – 1:17.0524
5 – Hideki Mutoh – Andretti-Green – 1:17.2055
6 – Graham Rahal – Newman-Haas-Lanigan – 1:17.3885
7 – Tony Kanaan – Andretti-Green – 1:16.9900
8 – Franck Montagny – Andretti-Green – 1:17.0840
9 – Mike Conway – Dreyer&Reinbold – 1:17.0895
10 – Scott Dixon – Ganassi – 1:17.2247
11 – Danica Patrick – Andretti-Green – 1:17.6145
12 – Dan Wheldon – Panther – 1:17.6782
13 – EJ Viso – HVM – 1:17.9180
14 – Mario Moraes – KV – 1:17.4730
15 – Robert Doornbos – HVM – 1:18.1095
16 – Ryan Hunter-Reay – Foyt – 1:17.6401
17 – Oriol Servia – Newman-Haas-Lanigan – 1:18.1409
18 – Raphael Matos – Luczo Dragon – 1:17.6552
19 – Justin Wilson – Coyne – 1:18.3353
20 – Richard Antinucci – Beck – 1:17.7500
21 – Ed Carpenter – Vision – 1:18.2413
22 – Milka Duno – Dreyer&Reinbold – 1:23.6185

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *