IndyCar: Scott Dixon vence pela terceira vez consecutiva

O neozelandês Scott Dixon (Ganassi) venceu neste domingo (14/07), a segunda corrida da rodada dupla do GP de Toronto, no circuito montado nas ruas da cidade canadense, 13ª etapa da temporada. Foi a terceira vitória consecutiva de Dixon, e 32ª na categoria. O brasileiro Helio Castroneves (Penske) e o francês Sébastien Bourdais (Dragon) completaram o pódio.

Pole-position, Dixon dominou a prova (a primeira na história que teve a largada parada), Liderando 81, das 85 voltas disputadas. Apenas entre as voltas 24 e 27, durante a primeira rodada de pit stops, Dixon perdeu a liderança. Neste intervalo Castroneves liderou duas voltas (24/25) e o australiano Will Power (Penske) as outras duas (26/27).

Apenas na parte final a prova teve a intervenção do Safety-Car. A primeira bandeira amarela da prova aconteceu na 65ª volta, com a batida do britânico James Jakes (RLL) no muro. Faltando cinco para o final, o norte-americano Ed Carpenter (ECR) também acertou o muro, provocando a segunda amarela.

A relargada final aconteceu na 84ª volta. Pouco depois, outro acidente provocou a terceira bandeira amarela, com Dixon vencendo sob amarela, seguido por Castroneves.

Dixon ganhou o prêmio de US$ 100 mil (R$ 226 mil) reservados a quem vencesse duas corridas seguidas dentre aquelas que acontecem em dobradinha no mesmo fim de semana, em Detroit, Toronto e Houston.

Bourdais aproveitou o toque entre o australiano Will Power (Penske), o norte-americano Ryan-Hunter-Reay (Andretti Autosport) e o japonês Takuma Sato (Foyt) na relargada final (que provocou a amarela), para conquistar o seu segundo pódio consecutivo.

O escocês Dario Franchitti (Ganassi) terminou em quarto, após uma prova de recuperação. Na largada ele teve o bico do carro danificado em um toque com Castroneves, tendo que ir para os boxes trocar a peça.

O venezuelano Ernesto Viso (Andretti Autosport) foi o quinto, seguido pelo norte-americano Charlie Kimball (Andretti Autosport). Os britânicos Mike Conway e Justin Wilson, parceiros na Dale Coyne, o norte-americano Marco Andretti (andretti Autosport) e o canadense Alex Tagliani (BHA) completaram os dez primeiros.

Disputando a prova no lugar do australiano Ryan Briscoe (que fraturou o pulso direito em acidente na prova de sábado), o colombiano Carlos Muñoz (Panther) terminou na 17ª posição, seguido por Power e Hunter-Reay.

O brasileiro Tony Kanaan (KV Racing) abandonou após quebrar a suspensão do carro em uma batida, na 35ª volta.

Franchitti marcou a melhor volta, 59s7982 (105.655 mph) na volta 62.

Castroneves lidera o campeonato com 425 pontos. Dixon é o segundo com 396, seguido por Hunter-Reay com 356.

A próxima etapa acontece em Mid-Ohio, no dia 04 de agosto. 

Final:

1.  (1) Scott Dixon, Dallara-Honda, 85 voltas
2.  (3) Helio Castroneves, Dallara-Chevy, 85
3.  (7) Sebastien Bourdais, Dallara-Chevy, 85
4.  (2) Dario Franchitti, Dallara-Honda, 85
5.  (10) EJ Viso, Dallara-Chevy, 85
6.  (15) Charlie Kimball, Dallara-Honda, 85
7.  (23) Mike Conway, Dallara-Honda, 85
8.  (13) Justin Wilson, Dallara-Honda, 85
9.  (17) Marco Andretti, Dallara-Chevy, 85
10.  (8) Alex Tagliani, Dallara-Honda, 85
11.  (18) Josef Newgarden, Dallara-Honda, 85
12.  (12) Simon Pagenaud, Dallara-Honda, 85
13.  (19) Graham Rahal, Dallara-Honda, 84
14.  (9) Simona De Silvestro, Dallara-Chevy, 84
15.  (21) Sebastian Saavedra, Dallara-Chevy, 84
16.  (16) Tristan Vautier, Dallara-Honda, 84
17.  (24) Carlos Munoz, Dallara-Chevy, 84
18.  (5) Will Power, Dallara-Chevy, 83                   
19.  (4) Ryan Hunter-Reay, Dallara-Chevy, 83                        
20.  (14) Takuma Sato, Dallara-Honda, 83           
21.  (11) James Hinchcliffe, Dallara-Chevy, 81
22.  (22) Ed Carpenter, Dallara-Chevy, 77
23.  (20) James Jakes, Dallara-Honda, 62
24.  (6) Tony Kanaan, Dallara-Chevy, 35                 

Classificação:

1) Castroneves 425 pontos,
2) Dixon 396,
3) Hunter-Reay 356,
4) Andretti 355,
5) Pagenaud 309,
6) Kanaan 307,
7) Franchitti 307,
8) Hinchcliffe 305,
9) Wilson 296,
10) Power 273

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *