IndyCar: Tony busca a segunda vitória no GP do Japão

Kanaan quer repetir o feito de 2007 e vencer pela primeira vez em 2008.

Atual campeão do GP do Japão de Fórmula Indy, o baiano Tony Kanaan desembarcou na cidade de Narita nesta segunda-feira (14), com o pensamento de repetir o feito do ano passado. Aliás, em 2007, foi no oval de Motegi, de propriedade da Honda, que Kanaan conquistou a primeira das suas cinco vitórias na temporada. Após duas etapas realizadas em 2008, o baiano passou perto, mas ainda não venceu. Portanto, o brasileiro terá a chance na madrugada deste sábado (19), quando acontece a terceira corrida da Fórmula Indy.


 


“É uma sensação diferente voltar aqui sendo o último vencedor. Eu sempre quis vencer aqui para retribuir todo o apoio e confiança que a Honda me proporcionou desde quando iniciamos juntos em 1998. Portanto, era importante para mim. Agora, já que senti quanto é bom, quero comemorar de novo”, disse Kanaan, campeão da Fórmula Indy de 2004, que terá a torcida da esposa Daniele Kanaan no oriente.


 


Sobre a corrida no oval de 1,5 milhas de Motegi, Kanaan destacou o bom desempenho da sua equipe, a Andretti Green Racing, neste tipo de pista. “Além da vitória no ano passado, andamos muito bem em Homestead na abertura da temporada, que também tinha 1,5 milhas, e embora aqui seja um formato tri-oval diferente de Miami, a expectativa é de termos um carro competitivo”, comentou o baiano. “Motegi é um circuito muito difícil e raramente você terá o carro bem acertado em todas as curvas. É um grande desafio”, emendou o piloto do carro número 11.


 


Embora os treinos livres só iniciem na quinta-feira (17) no Japão, ainda quarta-feira (16) no Brasil, Kanaan chegou antecipadamente ao outro lado do mundo por dois motivos: O primeiro, para se acostumar com o fuso horário de 11 horas em relação à Miami. E também, devido aos diversos eventos e entrevistas com os patrocinadores e, é claro, com os anfitriões Firestone e a Honda, fornecedores oficiais de pneus e motores da categoria.


 


Vale lembrar que no GP do Japão, só participarão as equipes que disputaram o campeonato de 2007, já que, as recentes equipes oriundas da Champ Car, fazem a última corrida em Long Beach, no domingo (20), devido ao conflitos de datas. Será o prova derradeira da Champ Car. As duas etapas vão valer pontos para a classificação do campeonato. Tony Kanaan é atualmente o 3º colocado, com 59 pontos. Hélio Castroneves, da Penske, lidera com 72, seguido por Scott Dixon, da Chip Ganassi, com 62. O vencedor de cada etapa adiciona 50 pontos na tabela, além de mais 3 pontos extras em jogo para quem liderar o maior número de voltas. 


 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *