IndyCar: Will Power vence GP de Portland

O australiano Will Power (Team Penske) venceu neste domingo (01/09) o GP de Portland, no Portland International Raceway, penúltima etapa da temporada. Foi a segunda vitória de Power no ano, e 37ª na categoria. O sueco Felix Rosenqvist (Chip Ganassi Racing) e o norte-americano Alexander Rossi (Andretti Autosport) completaram o pódio.

Power assumiu o controle na metade da prova, quando o então líder, o neozelandês Scott Dixon (Chip Ganassi), teve problemas na bateria. Dixon se arrastou até os boxes, tendo que ser empurrado pelo mecânicos para a posição correta nos pits. O pentacampeão voltou a prova, mas com três voltas de atraso.

Faltando oito voltas para o final o norte-americano Santino Ferrucci (Dale Coyne Racing) parou na reta dos boxes, provocando a terceira e última amarela.

Na relargada Power manteve a ponta, abrindo 1s4 na primeira volta em bandeira verde. Vencendo cm 2s7 de vantagem sobre Rosenqvist. Rossi fechou o pódio.

Pole-position o norte-americano Colton Herta (Harding Steinbrenner Racing), terminou em quarto, após liderar as 36 primeiras voltas.

Líder do campeonato o norte-americano Josef Newgarden (Team Penske) foi o quinto, seguido pelo compatriota Spencer Pigot (Ed Carpenter Racing).

O francês Simon Pagenaud (Team Penske), o brasileiro Matheus Leist (A.J.Foyt Enterprises), o francês Sébastien Bourdais (Dale Coyne Rcing with Vasser-Sullivan) e o norte-americano Charlie Kimball (Chip Ganassi Racing) completaram os dez primeiros.

O brasileiro Tony Kanaan (A.J.Foyt Enterprises) terminou na 12ª posição.

Foram apenas três bandeiras amarelas na prova. A primeira logo na primeira volta, após um múltiplo acidente envolvendo o canadense James Hinchcliffe (Schmidt Peterson Motorsport), e os norte-americanos Conor Daly (Andretti Autosport), Graham Rahal (Rahal Letterman Lanigan Racing) e Zach Veach (Andretti Autosport).

E a segunda depois do enrosco entre o norte-americano Ryan Hunter-Reay (Andretti Autosport) e o britânico Jack Harvey (Meyer Shank Racing with Arrow Schmidt Peterson) na 12ª volta.

E a terceira com a parada de Ferrucci na pista, na 97ª volta.

Neewgarden lidera o campeonato com 593 pontos, seguido por Rossi com 552, Pagenaud com 551, Dixon com 508.

A última prova, com pontuação dobrada, acontece no dia 22 de setembro, em Laguna Seca.

Final:

1 – Will Power (Dallara-Chevy) – Penske – 105 voltas
2 – Felix Rosenqvist (Dallara-Honda) – Ganassi – 2″7885
3 – Alexander Rossi (Dallara-Honda) – Andretti – 4″5839
4 – Colton Herta (Dallara-Honda) – HSR – 5″2280
5 – Josef Newgarden (Dallara-Chevy) – Penske – 5″8539
6 – Spencer Pigot (Dallara-Chevy) – ECR – 6″6477
7 – Simon Pagenaud (Dallara-Chevy) – Penske – 7″9418
8 – Matheus Leist (Dallara-Chevy) – Foyt – 8″1898
9 – Sebastien Bourdais (Dallara-Honda) – Coyne – 9″5967
10 – Charlie Kimball (Dallara-Chevy) – Carlin – 10″1665
11 – Max Chilton (Dallara-Chevy) – Carlin – 1 volta
12 – Tony Kanaan (Dallara-Chevy) – Foyt – 1
13 – Marco Andretti (Dallara-Honda) – Andretti – 1
14 – Ed Jones (Dallara-Chevy) – ECR – 1
15 – Takuma Sato (Dallara-Honda) – RLL – 2
16 – Scott Dixon (Dallara-Honda) – Ganassi – 3
17 – Santino Ferrucci (Dallara-Honda) – Coyne – 9
18 – Ryan Hunter-Reay (Dallara-Honda) – Andretti – 24

Abandonos:

Jack Harvey (Dallara-Honda) – SPM – 14 voltas
James Hinchcliffe (Dallara-Honda) – SPM – 1
Conor Daly (Dallara-Honda) – Andretti – 1
Graham Rahal (Dallara-Honda) – RLL –
Zach Veach (Dallara-Honda) – Andretti –

Campeonato:

1. Newgarden 593; 1. Rossi 552; 3. Pagenaud 551; 4. Dixon 508; 5. Power 469.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *