IRL: Tony lamenta furo do pneu, mas fica feliz com a conquista do amigo Franchitti

Tony Kanaan ficou contente com a conquista do título do amigo Dario Franchitti na Fórmula Indy. Na corrida deste domingo (9), o escocês foi beneficiado por uma pane seca – sem gasolina – do neozelandês Scott Dixon, da Ganassi, justamente nos metros finais da última volta do GP de Chicago, prova final da temporada 2007. Com isso, Franchitti conquistou seu primeiro campeonato, e se iguala ao próprio Kanaan e Dixon com um título cada.

“Estou feliz pela minha equipe e pelo Dario. Se eu não pudesse vencer, com certeza faria de tudo para ele ser o campeão. O Dario fez uma temporada excelente e mereceu muito ficar com esse título”, destacou o baiano.

Na corrida, a chance de Kanaan conquistar o bicampeonato se complicou mais logo no início da prova, quando o piloto da Andretti Green Racing teve um pneu furado. Embora tenha feito uma boa largada quando pulou de quarto para terceiro, e colocava pressão em Sam Hornish Jr, da Penske, o carro número 11 foi perdendo rendimento devido ao problema no pneu. Após a parada nos boxes na 10ª volta, Kanaan passou mais da metade da prova para recuperar a volta de desvantagem e encostar nos líderes, fato que o tirou da disputa pelo título.

“Larguei bem e fui para cima, pois precisava assumir a liderança logo no início, mas tive um pneu furado e comprometeu toda a nossa corrida. Depois, foi uma difícil briga para voltarmos na mesma volta dos líderes”, lamentou o brasileiro, que ainda assim finalizou o GP de Chicago na sexta posição. O brasileiro também comentou sobre o final das provas nesse ano. “Lamento por ter me recuperado um pouco tarde na pontuação geral do campeonato, mas, de qualquer forma, foi uma grande temporada para nós”, explicou Kanaan.

Após 17 etapas realizadas, o baiano termina o campeonato como o maior vencedor do ano com cinco vitórias, e a terceira colocação na classificação geral. Kanaan venceu no Japão, Milwaukee, Michigan, Kentucky e Detroit, conquistando assim 12 vitórias desde que estreou na Fórmula Indy em 2003. Franchitti e Dixon venceram quatro corridas cada um.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *