Kart: Matheus Chequer será piloto de fábrica da Kart Mini em 2007

Com apenas nove anos de idade, jovem destaque do kartismo paulista foi contratado pela mais tradicional fabricante de chassis do país para a temporada que começa neste sábado, em Interlagos.


A Mini, mais tradicional fabricante de chassis para kart do Brasil, com 48 anos de mercado, terá nesta temporada uma jovem revelação do kartismo nacional como piloto oficial da marca nos principais campeonatos do país. Neste sábado (3/2), o Vice-Campeão Brasileiro de 2006, Matheus Chequer (Puma/Red Balloon/Runner/Passatempo), estreará as cores da Mini na Copa Petrobras Sorriso Campeão e passará a ser o mais jovem piloto oficial da marca no país. Com pouco mais de dois anos de experiência no kart, Matheus é reconhecido como um piloto engajado no desenvolvimento de seu equipamento, e tem chamado a atenção por sua dedicação aos treinos e pelos bons resultados obtidos nas pistas.

Além do talento natural e dos bons resultados que vem conquistando desde sua estréia na categoria Cadete, o Matheus é um garoto muito sério e comprometido com a melhora do equipamento. E essas são as qualidades que um fabricante busca para desenvolver seus karts”, declarou Eduardo Moreira, gerente de marketing da Mini no Brasil. A fábrica terá uma equipe de pilotos oficiais atuando em diversas categorias do kartismo nacional. “A Mini está bastante empenhada no desenvolvimento de tecnologia, e o trabalho de nossos pilotos será fundamental para isso, completou.

Como piloto oficial da Kart Mini, Matheus terá a incumbência de desenvolver os chassis da marca para a categoria Cadete, que nos últimos anos vem sendo a mais competitiva do estadual de São Paulo pelo elevado número de inscritos. Para a estréia neste fim de semana, o jovem piloto tem as expectativas naturais de quem foi vice-campeão do torneio no ano passado, mas além da conquista de um bom resultado terá outra função bem definida.

“Tenho me dedicado ainda mais aos treinos e sempre procuro passar a minha equipe o maior número de informações possíveis, para que possamos desenvolver o kart e ter um equipamento competitivo. Estou muito honrado por ter sido convidado a integrar o grupo de pilotos oficiais da Mini e vou trabalhar bastante para buscar novas vitórias para a marca, declarou o piloto, que visitou a fábrica da Mini em São Paulo para a assinatura do contrato. “O que mais me chamou a atenção na fabrica foi a organização. Há um setor responsável por cada processo da montagem do kart”, acrescentou Matheus.

A Copa Petrobras Sorriso Campeão é o primeiro desafio da temporada de 2007 e está se tornando um evento tradicional no calendário nacional. Nela os pilotos têm a oportunidade de usar o traçado invertido do Kartódromo de Interlagos, mas este é somente um dos fatores que tem contribuído para o aumento no número de participantes a cada temporada. Na edição deste ano, a categoria Graduados A, por exemplo, bateu recorde de inscritos e terá 34 competidores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *