Kart: Paulista de Kart faz grande ensaio para o GP Brasil

O Campeonato Paulista de Kart sempre foi reconhecido como o grande torneio preparatório dos pilotos para as competições nacionais. E a sexta etapa da temporada 2008, realizada no último sábado (23/8) em Itu, no interior do estado, provou isso na prática. A rodada aconteceu apenas quatro dias antes do GP Brasil de Kart, competição criada em 2007 pela Comissão Nacional de Kart e que será disputada mais uma vez no Kartódromo Arena Schincariol.

Por causa disso, o Paulista se tornou o laboratório de testes para pilotos e equipes que visam a competição nacional. A rodada em Itu começou com os garotos da Mirim indo para a pista e fazendo a estréia da categoria no regional. Nela, José Soares tomou a ponta de Raikkonen Sakzenian logo no começo da corrida e conseguiu abrir uma ligeira vantagem na frente. Diferença suficiente para que ele escapasse da disputa pelo segundo lugar que chegou a ter quatro karts no mesmo pelotão. Gregory Diegues foi quem levou a melhor nessa e cruzou a linha de chegada em segundo lugar. Gabriel Almeida foi o terceiro.

Com 16 karts na pista, a Cadete mostrou novamente porque é a categoria mais emocionante do esporte no país. A vitória só foi decidida na última volta depois de intensa disputa entre Thiago Cabrino e Thiago Vivacqua durante toda a corrida. Os dois trocaram de posição algumas vezes, mas nas voltas finais Cabrino tomou a ponta e por lá ficou até a bandeirada final. Vivacqua foi o segundo e Yurik Carvalho terminou em terceiro após suportar a pressão de um pelotão que tinha Pietro Rimbano, João Ribeiro e Gabriel Sereia.

Outra classe que mostrou sua força e deu prévia de um excelente GP Brasil foi a Júnior Menor. O pole-position, Olin Galli, manteve a ponta no início, mas já na terceira volta foi superado por Victor Franzoni – campeão brasileiro da categoria. A disputa pela vitória recebeu ainda Matheus Rotta e Erik Gasparini – formando um ‘trem’ de karts que andavam muito próximos e trocavam de posição constantemente. Mas foi Franzoni quem levou a melhor no final e faturou mais uma no Paulista de Kart. Matheus Rotta e Olin Galli completaram os três primeiros.

A corrida mais polêmica do dia foi a da Júnior. Na largada, Bruno Bonifácio se aproveitou que os pilotos da primeira fila – Jonathan Louis e Johilton Filho – ‘espalharam’ na primeira curva, para tomar a ponta – seguido por Jean Paturle, João Câmara e Jean Aguiar. Mas, com um equipamento muito rápido, logo Jonathan Louis estava de volta na briga e ultrapassou os adversários até assumir a liderança. Cruzou a linha de chegada em primeiro, mas perderia a posição momentos depois.

Ao ultrapassar Bruno Bonifácio e assumir a liderança Jhon Louis e ele acabaram se tocando. Após a prova os comissários da Federação de Automobilismo de São Paulo – FASP analisaram o caso e acharam por bem punir Jonathan com dez segundos acrescidos ao tempo de prova. Dessa maneira, a vitória ficou com Johilton Filho, que cruzara a linha de chegada em segundo. Bonifácio ficou com a segunda posição e João Câmara, o terceiro posto. Com a punição Louis terminou com o sexto lugar.

Fechando a rodada do Paulista de Kart, a Fórmula 250 entrou na pista mais uma vez com um convidado de luxo. Depois de participações de nomes como Beto Monteiro (F-Truck) e Marcos Gomes (Stock Car), quem esteve em Itu para competir na categoria foi Thiago Riberi, atual vice-líder da Pickup Racing. O piloto cravou a pole-position e, apesar de perder a liderança nos primeiros instantes da corrida, venceu com direito até a melhor volta.

Confira os resultados da 6ª etapa do Campeonato Paulista de Kart:

Mirim
1- José Soares, 11 voltas, 12m12s011
2- Gregory Diegues
3- Gabriel Almeida
4- Raikkonen Sakzenian
5- João Oliveira
6- João Gonçalves
Pole: Raikkonen Sakzenian
Melhor volta: Raikkonen Sakzenian

Cadete
1- Thiago Cabrino, 14 voltas, 14m20s664
2- Thiago Vivacqua
3- Yurik Carvalho
4- Pietro Rimbano
5- João Ribeiro
6- Gabriel Sereia
7- Matheus Chequer
8- Matheus Jacques
9- Augusto Pereira
10- José Fortunato
11- Giuliano Raucci
12- Vinícius Paparelli
13- Vítor Baptista
14- Leonardo Gimenes
15- Breno dos Santos
16- Roberto Molinedo
Pole: Thiago Vivacqua
Melhor volta: João Manuel

Júnior Menor
1- Victor Franzoni, 19 voltas, 16m48s974
2- Matheus Rotta
3- Olin Galli
4- Erik Gasparini
5- Gustavo Myasava
6- Gabriel Robe
7- João Archer
8- Cayan Chianca
Pole: Olin Galli
Melhor volta: Erik Gasparini

Júnior – sub-júdice
1- Johilton Filho, 19 voltas, 16m30s972
2- Bruno Bonifácio
3- João Câmara
4- Jean Paturle
5- Jean Aguiar
6- Jonathan Louis
Pole: Jonathan Louis
Melhor volta: Johilton Filho

F-250
1- Thiago Riberi, 25 voltas, 22m47s050
2- Paulo Gun
3- Carlo Kain
4- Aldano Biazolo
5- Pierre Camargo
6- Carlos Martins
7- João Guariglia
8- Paulo Zacharias
9- José Oliveira
10- Paulo Yamamoto
Pole: Thiago Riberi
Melhor volta: Thiago Riberi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *