Kart: Pietro Fantin volta da Inglaterra e foca atenções na Copa Brasil de Kart

Já pensando na temporada 2010 – e principalmente na de 2011 – o paranaense Pietro Fantin (Silea Participações) esteve na Inglaterra no final de agosto, para dar início a um novo rumo em sua carreira.

Fantin, Campeão Sul-Brasileiro e da Copa Brasil de kart em 2008, foi à Rockingham e Pembrey para treinar com um carro da Fórmula 3, pela equipe Raikkonen Robertson Racing, criada em 2004 por Kimi Raikkonen e Steve e David Robertson. “O objetivo inicial foi me ambientar ao carro, logicamente de reações muito diferentes de um kart”, conta Pietro Fantin. “Foi tudo dentro do esperado, gostei da equipe, eles gostaram de mim, fiz bons treinos, aprendi bastante e pude assimilar muitas coisas para o futuro”, emenda.

Em 2010 Pietro Fantin deverá ter um intenso programa de treinos na Inglaterra, visando sua estréia na Fórmula 3 em 2011. “Vamos com muita calma e muito planejamento, afinal deverei começar a correr na categoria apenas em 2011”, revela Pietro, que deverá ter novas sessões de treinos ainda em 2009, na Europa e no Brasil. “Em outubro deveremos treinar na Hungria e em dezembro na Espanha e Portugal, além de alguns testes que farei no Brasil mesmo”, adianta o piloto de Curitiba, que no automobilismo tem recebido os ensinamentos do carioca Roberto Streit, piloto de carreira vitoriosa no kartismo e automobilismo internacional.

Muito satisfeito com os treinos na Inglaterra, Pietro Fantin agora tem seus pensamentos voltados ao kart novamente, onde estreou na atual temporada na categoria Graduados B e onde foi o principal destaque do último Pan-Americano, desta vez na categoria Sudam. Disposto a repetir o título do ano passado, Pietro deverá treinar brevemente em Lauro de Freitas (BA), visando o bicampeonato da Copa Brasil. “Deveremos treinar por três ou quatro dias na pista que vai receber a Copa Brasil agora em outubro, para já nos adiantarmos na minha preparação. Quero o bicampeonato”, garante o piloto, que compete pela Fejão Competições, com motores preparados pela Passoca Motorsport e com o apoio do “coach” Ruben Carrapatoso, campeão mundial de kart em 1998.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *