Kiko Porto encerra temporada da F4 Americana

Se manter no Top 10 na última etapa do ano da Fórmula 4 Americana deu um ânimo a mais para o piloto brasileiro, o pernambucano, Kiko Porto (Petromega / BF / DE Force Racing / Speed Group), que neste fim de semana disputou as provas finais da Fórmula 4 Americana, no Circuito da Américas, na cidade Austin, no Estado do Texas. Mesma pista onde foi disputada a 18ª etapa do mundial de Fórmula 1. Para o piloto brasileiro, além de poder estar mais perto da principal categoria do automobilismo, foi a oportunidade de melhorar o desempenho na categoria em que fez a estreia este ano. Mesmo sem conhecer as pistas por onde passou Kiko mostrou que a adaptação e o trabalho feitos a bordo do carro da DEForce Racing foram concluídos com sucesso e agora é esperar por 2019.

Para estas duas últimas provas apenas um treino livre estava programado e logo na sequência o treino que definiria o Grid de largada. Mesmo como puco contato com a pista Kiko garantiu na pista a 11ª colocação no Grid. Pena que duas punições tiraram dele 8 posições, obrigando o brasileiro a largar na 19ª colocação. Sem problema pra quem tem vontade e determinação como ele, que acabou chegando no final da etapa na 13ª colocação. Para a 17ª etapa e última prova do ano Kiko largou na 15ª posição.

Numa prova consistente e fazendo boas ultrapassagens, ele ganhou cinco posições na pista e acabou cruzando a linha de chegada na 10ª colocação, marcando mais um ponto na classificação do campeonato, somando cinco pontos no total das provas que disputou este ano –Temos pilotos aqui bem mais experientes do que eu, que conhecem muito bem as pistas. Acho que o que conseguimos nessas poucas provas que disputamos foi um resultado muito bom. Já estou na expectativa para os testes de 2019 e para a temporada do ano que vem. Quero chegar em condições de brigar por vitórias – disse Kiko Porto logo depois do final da prova. Ainda não há confirmação, mas seguindo o que foi feito este ano, para 2019 os testes da categoria devem ocorrer nos meses de janeiro e março. Já a primeira etapa da temporada deve ser no mês de abril do próximo ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *