MotoGP: Ducati espera que Yamaha libere Rossi ainda nesta temporada

Após anunciar oficialmente a contratação do italiano Valentino Rossi, a Ducati agora espera que a ex-equipe do multicampeão, a Yamaha, o libere para os testes que serão realizados em Valência, após a última etapa, dia sete de novembro.

O chefe da equipe japonesa, Masao Furusawa, declarou que Rossi “vestirá azul” até o fim do ano, mas os italianos esperam convencer os rivais a liberarem o piloto. “Vamos atender a qualquer desejo de Furusawa e até pintaremos a moto de azul se for necessário”, brincou Filipo Preziosi, chefe da Ducati, ao jornal La Gazzetta dello Sport.

“Não quero acreditar nisso (que a Yamaha não vai liberar Rossi), seria muito ruim. A última vez que isso aconteceu não trouxe sorte alguma”, lembrou, em referência à transferência do italiano da Honda para a Yamaha em 2003.

Mesmo com a chegada do heptacampeão de motovelocidade, Preziosi ainda considera o espanhol Jorge Lorenzo favorito ao título de 2011. “(Ele) Não vai mudar de equipe, por isso acho que vai continuar como favorito no próximo ano. De qualquer forma, será difícil, mas acho que fizemos a coisa certa”, concluiu.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *