MotoGP: Hayden se compara a Obama na apresentação da nova Ducati

Assim como Barack Obama, Nicky Hayden foi escolhido para um cargo e agora precisa provar que os ‘eleitores’ fizeram a escolha certa. Recém-contratado pela Ducati para o Mundial 2009 da MotoGP, o piloto norte-americano se vê em um contexto semelhante ao do presidente dos Estados Unidos: depois de ganhar o voto de confiança da escuderia italiana, quer começar a mostrar resultados.

“Estou um pouco na mesma situação de Barack Obama, até agora apenas falei: veremos se haverá resultados”, disse Hayden, destaque junto a Casey Stoner da apresentação da moto com a qual a Ducati espera recuperar a supremacia na categoria, perdida para a Yamaha de Valentino Rossi.

Para voltar a vencer na MotoGP, a equipe tirou o norte-americano da Repsol Honda. Depois do fraco rendimento apresentado por Marco Melandri sobre o equipamento vermelho, o campeão mundial de 2006 terá a responsabilidade de fazer parceria com Stoner, que triunfou no ano retrasado.

“Obama deverá encontrar trabalho para 350 milhões de americanos e terá tanta coisa para fazer”, continuou Hayden, mostrando que realmente gostou da comparação. “Já eu devo voltar a subir constantemente ao pódio, sem mais fins de semanas negativos. E tenho de vencer um corrida, o que não faço desde 2006”.

No tradicional encontro da Ducati com a imprensa, que acontece anualmente na estação de esqui Madonna di Campiglio, o piloto do Kentucky ainda comentou sobre a adaptação à nova moto. “Estou orgulhoso de vestir o macacão da Ducati. É algo de novo, tiveram confiança em mim. Sempre tive um bom relacionamento com Stoner e somos homens o suficiente para não termos problemas. Ele inclusive me deu as boas-vindas”.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *