MotoGP: Toni Elias dá show. Valentino Rossi assume a liderança do campeonato

O espanhol Toni Elias, da Honda, deu um show neste domingo, e venceu o GP de Portugal, no Estoril. Foi a sua primeira vitória na categoria. O italiano Valentino Rossi, da Yamaha, foi o 2º, e assumiu a liderança do campeonato. O norte-americano Kenny Roberts Jr, no protótipo KR 211V, fechou o pódio.

 


Elias largou na 11º posição e se beneficiou das inúmeras confusões a sua frente, como batidas e foi aos poucos também superando diversos adversários, chegando aos líderes da prova.


 


A sete voltas do fim, ele superou Rossi, assumindo a ponta. Ma na seguinte ele foi ultrapassado por Rossi e Roberts Jr, duas voltas depois, caindo para 3º. O norte-americano assumiu a ponta, a duas voltas do final.


 


Na última volta, Rossi e Robert Jr lutavam pela vitória. Elias então resolveu arriscar, colocando a moto de lado, derrapando, ele mudou o traçado na reta, reassumindo a ponta. Rossi pouco depois, com pneus em melhor estado, voltou a ponta.


 


Elias não desistiu e nos metros finais finalizou a sua grande atuação, colocando de lado, e ganhando a primeira posição por apenas 0s002. Elias, que não tem contrato para a próxima temporada, pode ter dado um grande passo para conseguir uma vaga.


 


Quem saiu de Portugal muito irritado foi o até então líder da temporada, o norte-americano Nick Hayden, da Honda, que foi tirado da prova por seu companheiro de equipe, Daniel Pedrosa, em uma manobra estabanada do espanhol. Hayden esmurrou a brita, gritou com Pedrosa, que constrangido deixou o local do acidente.


 


O australiano Garry McCoy, estreando a moto Ilmor, foi o 15º, marcando um ponto.


 


O espanhol Sete Gibernau se envolveu em um acidente com Casey Stoner no iniício da prova, e quebrou um osso da mão esquerda e machucou a clavícula esquerda. É a segunda lesão sofrida pelo piloto na clavícula neste ano.


 


Rossi é o novo líder da temporada, com 244 pontos. Hayden tem 236.


Final:


1) Toni Elías (ESP/ Fortuna/Honda/M), 28 voltas em 46min08s739
2) Valentino Rossi (ITA/Camel/Yamaha/M), a 0s002
2) Kenny Roberts Jr. (EUA/Team Roberts/KR211V/M), a 0s176
4) Colin Edwards (EUA/Camel/Yamaha/M), a 0s864
5) Makoto Tamada (JAP/Konica Minolta/Honda/M), a 18s419
6) John Hopkins (EUA/Rizla/Suzuki/B), a 25s181
7) Carlos Checa (ESP/Tech 3/Yamaha/D), a 29s348
8) Marco Melandri (ITA/Fortuna/Honda/M), a 31s813
9) Chris Vermeulen (AUS/Rizla/Suzuki/B), a 40s117
10) Randy de Puniet (FRA/Kawasaki/B), a 41s496
11) Alex Hofmann (ALE/Pramac d’Antin/Ducati/B), a 41s533
12) Loris Capirossi (ITA/Marlboro/Ducati/B), a 44s776
13) James Ellison (ING/Tech 3/Yamaha/D), a 1min19s113
14) José Luis Cardoso (ESP/Pramac d’Antin/Ducati/D), a 1min40s716
15) Garry McCoy (AUS/Ilmor/M), a 4 voltas


Campeonato:


1) Valentino Rossi, 244 pontos
2) Nicky Hayden, 236
3) Marco Melandri, 217
4) Loris Capirossi, 209
5) Daniel Pedrosa, 202
6) Kenny Roberts Jr., 126
7) Casey Stoner, 119
8) Colin Edwards, 117
9) John Hopkins, 111
10) Toni Elías, 106

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *